Em defesa do exame da OAB

quarta-feira, 3 de março de 2010

Brasília, 03/03/2010 - O editorial "Em defesa do exame da OAB" foi publicado na edição de hoje (03) do Jornal de Brasília:

"Como já ocorreu há poucos anos em Brasília, um incidente atrapalhou o último Exame de Ordem. Um candidato que fazia a prova em Osasco, na Grande São Paulo, foi flagrado com respostas de questões. O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Ophir Cavalcante, entregou pessoalmente ao diretor-geral em exercício do Departamento de Polícia Federal, Luiz Pontel de Souza, uma notícia-crime e requereu à PF a apuração urgente dos fatos para as devidas providências.

O caso, evidentemente, precisa ser apurado. Não pode, porém, ser explorado por aqueles que se opõem ao Exame de Ordem. Sabe-se quem são os adversários do Exame. Em geral, aliam-se donos de faculdades caça-níqueis, que ministram cursos abaixo da crítica, e os estudantes por eles diplomados ? e explorados. Sem chances de aprovação no Exame, tentam implodi-lo.

Na verdade, o Exame de Ordem constitui uma necessidade, decorrente do excesso de bacharéis despreparados. Seria recomendável, inclusive, que se adotasse iniciativa semelhante em outros cursos. O presidente da OAB comprometeu-se não só com a lisura da prova, mas também com sua continuidade. Felizmente."

10 comentários:

Ricardo 3 de março de 2010 11:31  

Este é o pais do vazamento de provas:
Primeiro foi o ENEM, agora é o Exame de Ordem...

JVVENCEDOR 3 de março de 2010 11:31  

Bem da verdade essa fraude só reforça (e não adianta negarem) o Projeto de Lei de Gilvam.
Defendam o que quiserem, e deixem de ser preotentes e arrogantes, pois penso que isso é sintoma de insegurança; todos que ainda não passaram são bastante capazes, se vocês que já são inscritos descerem do pedestal, poderiam enxergar que somos grandes talentos também OU estão com medo de que possamos ser mais competentes que vocês e ao ganharmos seus clientes.
ABAIXEM A BOLA, porque ficou bem feio para a Ordem essa fraude.
Vocês também já passaram por isto e nunca se esqueçam que logo seremos colegas, e muito em breve muitos de seus clientes terão preferência por muitos de nós.

André Garcia 3 de março de 2010 11:31  

ninguém quer que seja extinto o exame de ordem, eu só quero que a prova quer eu estudei, virei noite lendo e fazendo exercícios, gastando dinheiro comprando livros atualizados, parei minha vida, deixei de sair e me divertir, em prol de conseguir uma aprovação, fiz uma excelente prova, minhas respostas estavam idênticas as do Renato Saraiva, estava confiante..e agora vou ser injustiçado. entre DIREITO e JUSTIÇA o que deve prevalecer? sejamos razoaveis, se vazou agora, é porque descobriram só agora, deve ter vazado em outros exames, os demais exames não vão ficar comprometidos, sou contra a anulação e a favor de severa punição aos envolvidos. eu lutei, estudei e quero minha prova corrigida, não me importo se tiver que fazer outra prova por nao ter passado. mas quero que ela seja corrigida. quer lisura no exame, ótimo também quero com os meus direitos garantidos na constituição. se for anulada quero indenização perdi parte da minha vida estudando pra passar nessa prova, e agora que consigo realizar uma excelente prova querem anular, que punam quem vazou, quem colou, vão ter que provar que eu colei, não quero minha prova anulada.

Meg 3 de março de 2010 11:35  

Já está claro que a Cespe não está apta a elaborar a prova da OAB, assim como ocorreu no exame anterior, no qual muitos bacharéis foram injustiçados por falta de competencia da Cespe. Agora mais um escandalo, no qual a OAB, como fez anteriormente, não terá pulso para anular a prova, e tomará atitude que lhe convém, ou seja, não fará nada significativo para mudar esse quadro vergonhosoque vem prejudicando muitas pessoas de boa indole. Imaginem que se um foi pego com respostas da prova, quantos outros a teriam e estão agora em silêncio, aguardando as cenas do próximo capítulo dessa comédia grotesca. OAB, seja justa, se há irregularidade, cumpra o que está no edital, anule o certame, faça pelo menos uma vez a coisa certa e pare de jogar a culpa nos outras. Busquem uma instituição competente para elaborar a prova.Se digitei algo errado, foi pela exaltação e pressa.

JVVENCEDOR 3 de março de 2010 11:43  

e digo-lhes mais, retratem-se imediatamente destas ofensas que vêm proferindo contra os Bachareis, pois já não basta o stress, nervoso, $ que os Cursinhos e a Ordem cobram por causa deste Exame ou copio todas ofensas, de que somos incapazes que as Universidades são de má-qualidade e proponho ação penal privada condicionada (injúria e difamação) em face dos ofensores (para nós que não sabemos nada, acho que identificar um crime cometido já é alguma coisa, correto???)

Omar Roberto de Aguiar Filho. 3 de março de 2010 13:21  

Bom, o que posso extrair dessa polêmica é que a CESPE, assim como no exame 2009.2 agiu de forma totalmente displicente. Acho que a CESPE não tem mais condições de arcar com o exame de ordem. Agora deixo a pergunta: quem o fará a nivel nacional? A OAB também está perdida!

texugo 3 de março de 2010 13:45  

o exame de ordem é conveniente para todos, com exceçao dos bachareis.a "desculpa" para sua realizaçao é servir de filtro, eliminando aqueles que se formam sem um minimo de conhecimento do direito, muito comum atualmente devido a proliferaçao das faculdades de direito pelo pais. mas vejamos: por que nao acabam com essas faculdades que apenas servem como meio de obtençao de diploma de bacharel sem que este tenha conhecimento algum??(resposta: porque elas rendem muito dinheiro e nada que rende dinheiro pode acabar);por que a oab ao inves de se esforçar em acabar com essas faculdades, apenas se esforça em realizar exames cada vez mais complicados (inclusive proibindo doutrina e jurisprudencia e, se enganou aquele que achou, como meu professor, que a prova viria mais enxuta)por que??(resposta: porque o exame de ordem rende muito dinheiro e nada que rende dinheiro pode acabar)

e por ai vai..isso se chama tampar o sol com uma peneira.ninguem faz nada, Brasil,normal..

eduardo 3 de março de 2010 14:34  

eaí Mauricio, olha eu postando o mesmo comentario aqui para lembrar a muitos...
Não canso de ver manifestações pelo fim do Exame de Ordem...Tudo o que se apresentou até hoje para embasar uma tese que sustente este absurdo é tacanho, falacioso, provem estes discursos de demagogos e oportunistas que vêem nisso uma forma de se promover diante de uma legiao daquelas que vivem nas trevas do comodismo, da preguiça invencivel! Não posso aceitar esta ideia e seguir tranquilamente minha vida sabendo que há um numero de pessoas,volto a dizer, despreparadas, preguiçosas,acomodadas e qualquer outro adjetivo para identificar aqueles que sao contra tal exame.Fui reprovado 4x no exame até conseguir aprovação, que só veio pq me esforcei, criei um foco, uma meta e fui alcança-la, nao me sentiria bem sem passar por isso, ver a carteira cair em meu colo seguindo a lei do menor esforço, lei esta que impera há seculos.Forcei minha natureza,fui alem do que podia ir, me sinto melhor por saber que fiz o que deveria ser feito e nao fiquei procurando outros p dividir meu fracasso.Queria ser aprovado, mas nao estava preparado p seguir adiante sem conseguir ao menos vencer 50% de uma prova objetiva.Aí vem aqueele papo de que estao impedidos de trabalhar, inconstitucionalidade, estou a ponto de explodir de ódio por saber que existem estudantes mediocres que se apegam a esta ideia como uma luz no caminho escuro que que se encontram.Já basta a vergonha que foi a prova 2009.2, entrou gente pela janelaa nesta historia se aproveitando de algumas mentes "brilhantes"... A OAB errou ao dar trégua e não sustentar sua posição até o fim, me senti ofendido por saber que muita gente se aproveitou da historia.O tal do JH lá do RN é um palhaço que achou seguidores em varios lugares deste imenso Brasil, pessoas igual a ele, que vivem de imagem, jovem, oculos de grau em perfeita sintonia com o rosto,um terno bonito, belas gravatas, mas forma sem conteudo nao é nada, nao basta parecer..., o "Jovem Democrata" tem a veia politica e se aproveitou tambem disso para praticar a "politicagem" e começar a ganhar espaço nos meios de comunicaçao, uma vergonha este sujeito fazer parte deste esquema podre que foi o movimento para anular a peça, a prova, ou sei la mais o que ele queriaa..enfim, vão estudar seus preguiçosos, quem nao acerta 50% de uma prova simples, nao esta preparado para nada nesta vida... Vida longa ao exame, estou tao revoltado que não consigo escrever o que penso de verdade de forma clara e coerente, estou movido pela emoçao neste momento...Não importa se a OAB fatura milhoes com as inscriçoes, que os cursinhos ganhem, o que importa é mudarmos a historia, ter compromisso com a carreira que escolhemos para nao virarmos burocratas,,profissionais inescrupulosos, preocupados apenas com o dinheiro no fim do mês. Aguardo críticas, sugestoes ou simplesmente aliados nesta causa que com certeza ajudará e muito a manter a sociedade a desenvolver.Abraço Mauriciooo!

Cláudio 3 de março de 2010 14:36  

Mais uma vez quem perde são os estudantes, nossos colegas, militantes nessa batalha que é essa prova, não pode a grande maioria, que de forma honrada e honesta foi aprovada, pois estudou, pagar por esse estelionatario de Osasco, que não é um colega, pois sua atitude, não podera fazer com aqueles, que são a maioria paguem essa conta injusta.
Que a oab tome todas as medidas cabiveis, e corrija a prova da maioria absoluta, que nao mereçe ser prejudicada. forte abraço a todos os colegas.

mayra 3 de março de 2010 14:58  

Isso é um absurdo. Espero sinceramente que essa prova não seja anulada. Pois eu fui uma que desde outubro do ano passado fiz cursinho, me preparei pr a primeira fase. Da mesma forma fiz cursinho para a segunda, INCLUSIVE AOS DOMINGOS, estudei, ralei, fui bem na prova e agora posso ter minha prova anulada pq sei lá quem estava com uma cola? Que refaçam a prova de penal para são paulo. Não pode o brasil inteiro ser prejudicado por UM aluno pego colando. ABSURDO

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP