Atenção! Definida a data da prova subjetiva - 18 de abril

quarta-feira, 24 de março de 2010

Acabou de sair no site da OAB/DF:

Segunda fase do Exame de Ordem será no dia 18 de abril

A segunda fase do Exame de Ordem anulado pelo Conselho Federal por suspeita de vazamento do conteúdo das provas será reaplicada no dia 18 de abril. As provas aplicadas no dia 28 de fevereiro passado foram anuladas porque um candidato que prestou o exame em Osasco (SP) foi pego com as respostas da prova prática de Direito Penal anotadas a lápis em um volume do Código Penal.

A decisão de anular a segunda fase do Exame de Ordem foi tomada no dia 7 de março pelo Colégio de Presidentes das 27 seccionais da OAB: 23 presidentes votaram pela anulação total da segunda fase, dois pela anulação parcial e um se absteve. Não haverá qualquer custo adicional para os 18,5 mil bacharéis que fizeram os testes unificados em todo o país.

O Conselho Federal da OAB pediu que a Polícia Federal investigue o vazamento. A aplicação do Exame de Ordem passou a ser unificada em todo o país no final de 2009.

Fonte: OAB/DF

Tal como escrevi ontem - Prova da Ordem no dia 11/04? - seria muito difícil que a prova fosse mesmo marcada para o dia 11/04.

Apesar da demora na divulgação, a nova data foi uma escolha razoável.

33 comentários:

Ana Grigorio 24 de março de 2010 19:22  

Bom, agora só resta a outra grande dúvida: quando será realizado o exame 2010.1???

Espero que dessa vez nenhum idiota tente fraudar a prova de novo...

¬¬'

Suzana 24 de março de 2010 19:48  

Não achei nada de razoável até agora... Anular uma fase inteira prejudicando todos os bachareis que prestaram o exame é razoável?
Não dar informações sobre a nova prova até a presente data é razoável?
Vamos ver quais as próximas surpresinhas razoáveis que a OAB e o CESPE guardam para o dia 18/04...

texugo 24 de março de 2010 20:05  

bem tipico, é o que costuma acontecer aqui no Brasil, faremos uma nova prova..mas e o culpado pelo vazamento da prova?continuara impune?
somos mesmo feitos de palhaço...
eu quero saber o nome(ou os nomes)do culpado.nunca vi uma investigaçao tao "sigilosa", aqui no Brasil isso so acontece quando se deseja proteger alguem...

agora eu pergunto, se o fraudador tiver a audacia de vender a prova novamente e outro estupido resolva levar as respostas novamente no dia da prova(mesmo sendo muito dificil,pois nao acredito que alguem seja tao burro a ponto de cometer o mesmo erro), o que acontece?anulaçao novamente?

pelo que estou vendo, daqui uns dias para ser advogado sera, mais que tudo, necessario rezar...

msilva_mauro 24 de março de 2010 20:08  

Avante, pessoal

Nada nos deterá!

Nem mesmo a OAB/CESPE

"Com Deus, somos mais"

Mauro Lenine 24 de março de 2010 20:42  

Que legal, agora vou perder a prova de Oficial de Justiça aqui no RS que será no dia 18. Atrapalharam a vida de todos com essa anulação.

Mauro Lenine 24 de março de 2010 20:45  

Seria melhor se marcassem a prova para um sábado ou para o domingo de manhã. Desta forma não criariam tanto problemas.

Cristiano 24 de março de 2010 21:17  

aleluia.... OS que estão inscritosp para o concurso do TRF4 estão bem, e quem está inscrito no concurso para oficial de justiça do RS, como eu, quem vai paga a conta das despesas com inscrição, cursinho e apostila, hein??? Lamentável...

Ernani Netto 24 de março de 2010 21:32  

Razoável seria terem corrigido minha prova...

Acho que falta educação para com os bacharéis!

Val 24 de março de 2010 21:54  

Até que enfim decidiram marcar logo a data...será que os examinandos farão prova no mesmo local da prova que foi anulada???

Nathalia 24 de março de 2010 21:59  

A parte mais hilária: "não haverá qualquer custo adicional para os 18,5 mil bacharéis que fizeram os testes unificados em todo o país" hahaha MUITO OBRIGADA OAB! VCS SÃO MUITO LEGAIS!

Rodrigo 24 de março de 2010 22:04  

Finalmente alguma notícia boa. Pode não ser a melhor já que a anulação prevaleceu, mas que venha a terceira fase...

... passaremos de novo, e conseguiremos nossa carteira, se Deus quiser.

Bons estudos à todos, e até o dia 18.

24 de março de 2010 22:06  

alguém saberia informar qual o motivo real pelo adiamento da prova para o dia 18 e não 11??

CARLOS 24 de março de 2010 22:35  

Dr Mauricio.
Sei que deve ter milhões de questionamentos iguais a esse meu, entretanto ficaria muito feliz que, se possivel, me respondesse.

Sou mais um marionete que a OAB/CESPE está brincando.
Essa escolha de data, sem posicionar sobrre nada, é deveras angustiante. Mas vamos ao problema:

Sei que houve uma pressão muito grande para alterarem a prova pro dia 18/04 por causa das provas do TRF/4 e outra lá. Entretanto, dia 18/04 em meu Estado (Goias) tb terá provas de concurso, e independente de que dia fosse teria provas. E Os "bestas" dos bachareis? Engraçado que dia 11/04 tb haverá concursos e só não fiz a inscrição por causa da data provavel da prova da OAB. Sei que a inscrição no concurso não é certeza de aprovação, mas e o desrespeito? E a sacanagem?

Se puder responder, (carlos_contabil@hotmail.com) fico realmente muito agradecido.
Parabéns pela comunidade e pelo blog.
Abrasss

Rodrigo 24 de março de 2010 23:09  

Espera aí... Na reportagem diz que o rapaz estava com as respostas anotadas a lápis no código ? Não foi divulgado que ele estaria com um material impresso em forma de código com as respostas ? Matei a charada agora. Somos muito otários, nunca vamos saber a verdade.

Raul 24 de março de 2010 23:37  

O que está acontecendo é deplorável. Fomos prejudicados com a anulação, e a falta de coerência, de respeito, e de "justiça", está penalizando todos. Nesse dia (18/04/2010) haverá concurso e eu serei prejudicado pela falha de alguem, que não se sabe (ou melhor, não saberemos). A OAB preocupada em esquecer logo essa lamentável situação não está tendo o menor cuidade e assim está prejudicando pessoas que se programaram...LAMENTÁVEL

camilafigueiredo_23 24 de março de 2010 23:58  

uhuuuu \o/ \o/ \o/
VAMOS PASSAR GALERAAAA!!!!!!!

*Não esqueçam de comprar a CLT da LTR pq o índice compensa mtoo!

Mario Berger de Sousa 25 de março de 2010 00:05  

Não tem data alguma confirmada até agora não. Esse comunicado tem tanta relevância qto a minha opinião sobre a data da prova (embora ele seja um indício de que será dia 18 mesmo).

Até que o CESPE e o Conselho Federal se pronunciem a data da prova permanecerá indefinida.

Ou será que a SECCIONAL do DF agora tem poderes para dar este tipo de informação?

Comunicado por comunicado, aquele expedido pelo Colégio dos Presidentes das Seccionais tem mto mais relevância q essa "notícia" publicada no site da OAB DF. Frise-se: é uma notícia, e não um comunicado oficial.

Carla 25 de março de 2010 09:00  

É o meu baile de formatura está marcado desde 2008 pra o dia 17/04/2010... OAB fudendo com todo mundo!

C.R. 25 de março de 2010 09:05  

É um desrespeito aos candidatos do RS, pois muitos deles tem concurso agendado para a mesma data, isto é, 18 de abril. Sou mineiro e dou total apoio aos gaúchos. =/

Roberto 25 de março de 2010 09:08  

Do jeito que andam as coisas, só acredito com a publicação do comunicado oficial.

Fernanda 25 de março de 2010 10:14  

Eu não encontrei essa notícia.... olhei todo o site da OABRS e ainda não foi publicado nada... essa data é oficial?

Aira 25 de março de 2010 10:15  

Entrei em contato com a OAB SP e com o CESPE, em Brasília, em 25 de março, pela manhã. Não houve confirmação desta data. Sugeriram aguardar o comunicado oficial no site do Conselho Federal e do CESPE. Na OAB DF ninguém atende as ligações no setor de Exame de Ordem. Não sei porque não fico surpreso com tudo isso.

Igor 25 de março de 2010 10:52  

Mas como pode a OAB nacional anunciar a anulação, marcar a prova pro dia 11, e uma seccional (sem qualquer explicação) noticiar que a prova foi marcada pro dia 18, sem ao menos fazer referência ao que foi anteriormente divulgado?

Deia Santiago 25 de março de 2010 11:38  

Grande Circo essa OAB, bastou uma pressão em face do concurso do TRF 4ª e a prova passa do dia 11 para o dia 18, pergunto: E aqueles que, como eu, tem concurso marcado para o dia 18/3, amargamos o prejuízo pela imcompetência da OAB e do CESP.

Revoltante e lamentável!!!!!

Cláudio Moraes 25 de março de 2010 12:12  

Já envie e-mail para CESPE E A OAB e ainda não tive resposta para a seguinte dúvida: "Vamos ter a possibilidade de escolher novamente o local onde queremos fazer a prova?? Pois alguams pessoas não moram mais no mesmo local da prova anterior e se os candidatos, teoricaemtne, não terão despesas com taxas, então também nao podem ser prejudicados com relação ao local de realização da prova. Os centros podem ser os mesmo, mas que os alunos possam escolher o local mais adequado no momento.

Raphael 25 de março de 2010 12:15  

Vejamos pelo lado bom: pelo menos existe data definitiva para realizara a prova, coisa que antes não existia!!
VAMOS LEVANTAR A CABEÇA!!!
Agora não tem pra ninguém!!
Detonamos na primeira vez em que prestamos a segunda fase...
Dessa vez mostraremos definitivamente o conhecimento e capacidade para passar na mesma prova duas vezes!!
Avante, AVante!!!

Raphael 25 de março de 2010 12:15  

Vejamos pelo lado bom: pelo menos existe data definitiva para realizara a prova, coisa que antes não existia!!
VAMOS LEVANTAR A CABEÇA!!!
Agora não tem pra ninguém!!
Detonamos na primeira vez em que prestamos a segunda fase...
Dessa vez mostraremos definitivamente o conhecimento e capacidade para passar na mesma prova duas vezes!!
Avante, AVante!!!

fred 25 de março de 2010 12:34  

É UMA VERGONHA... DEPOIS DE MAIS DE 20 (VINTE) DIAS, NENHUMA INFORMAÇÃO A RESPEITO DA FRAUDE.
CADÊ A 'COLA'? O 'VAZAMENTO'? O 'CULPADO'? A 'INVESTIGAÇÃO'? QUAL O NOME DA OPERAÇÃO? (SE NÃO TIVER NOME AINDA, EU SUGIRO, 31 DE FEVEREIRO)...
ESTOU PERPLEXO COM OS ACONTECIMENTOS... E A FALTA DE VERGONHA DOS RESPONSÁVEIS...

Valéria 25 de março de 2010 12:58  

Acabei de ligar no CESPE e eles NÃO confirmam que será dia 18/04. Me disseram que sequer sabiam de tal divugação pela OAB-DF, e que, devemos aguardar pelo aviso oficial na página do CESPE.

Pegadinha de mal gosto? Estão mesmo de brincadeira com a cara dos bacharéis, só pode!

carolina 25 de março de 2010 14:49  

Gente, é vergonhoso nosso país! Uma instituição que SE diz tão séria toma decisões não expões seus fundamentos a ninguém! Quem lembra da prova de Direito do Trabalho passada?! Porque era Consignação em Pagamento? qual foi o fundamento para manter tal gabarito?! A OAB decidiu que era porque era, ferindo um princípio que deve nortear toda decisão para que ela se torne válida, o princípio da fundamentação!!! As sentenças não são anuladas por falta de fundamentação? Porque a ORDEM não fundamenta suas decisões? Não presta contas? Eu achei um absurdo essa anulação! Até o principio da inocência feriram... Ressalte-se que essa prova absurda não passar de uma avaliação de conhecimentos.. não se está concorrendo, logo não há injustiça ou deslealdade se uma pessoa tinha o gabarito. Somente ela e os culpados deveriam ser punidos.. se não há culpados, vai punir toda uma coletividade porque? Que prejuízo absurdo em nome de uma moral e ética que está ficando cada vez mais claro inexistir na referida instituição!
Lastimável...

giovani 25 de março de 2010 19:48  

Estava lendo sobre alguns problemas que a OAB já enfrentou antes sobre fraude e a solução que tomaram. Nos exames de 2004 e 2006 na OAB-DF houve fraude, onde os candidatos entregavam as provas em branco e os fiscais da sala respondiam a prova, a solução adotada, segundo o site migalhas (http://www.migalhas.com.br/mostra_noticia.aspx?cod=56094), "A OAB-DF também anunciou que nove examinadores e 137 candidatos aprovados nos exames entre 2004 e 2006 responderão a processos administrativos por falsificação.
Eles podem perder as carteiras de advogado." HAHAHA, e na prova atual tivemos um indício de fraude e a prova foi cancelada!! É uma tremenda palhaçada e muito desrespeito de uma instituição que se diz tão defensora dos princípios e garantias constitucionais!

André Luiz 26 de março de 2010 11:50  

Concordo plenamente Carolina! Espero que as indignações aqui publicadas não sejam esquecidas quando estivermos do lado de lá, como membros ou dirigentes da OAB. Os homens que a comandam hoje eram jovens indignados com a ditadura e a desigualdade social no país. O que estão fazendo de diferente em sua geração?

Rodrigo 12 de abril de 2010 17:22  

Boa tarde pessoal.
Segundo informações dos cursinhos, o exame da oa, primeira e segunda prova são feitos juntos?
Alguém confirma isso?
Caso seja feito junto, esse exame teve fraude desde a primeira prova caros colegas, pois é impossível vazar apenas uma prova, sendo que as duas estavam prontas.
Abraço

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP