Prova da Ordem no dia 11/04?

terça-feira, 23 de março de 2010

Hoje é 23 de março, e a probabilidade de que a prova ocorra realmente no próximo dia 11 de abril fica cada vez mais remota.

A OAB teria apenas 19 dias para preparar tudo, inclusive anunciar na grande mídia a realização da nova prova além de providenciar a devida logística para aplicá-la.

A probabilidade da prova ser no dia 18 agora é mais factível. Isso se não for marcada para outra data mais distante.

De toda forma, é apenas uma especulação. Não se sabe o que passa na OAB para justificar o atraso na divulgação da data.

Eu poderia começar a escrever um monte de teorias aqui, mas seriam só teorias sem nenhum embasamento.

Entretanto, muito disse-me-disse já circula por aí, devidamente nutrido pelo silêncio patrocinado pela Ordem.

A OAB, desde o Exame 2.2009, tem apresentado uma dificuldade enorme em estabelecer um diálogo com os bacharéis, criando vácuos de informação prejudiciais tanto para a Ordem como para o Cespe, alvos fáceis das críticas nesses tempo de fraudes, erros em provas e silêncios tumulares.

Algo estranhamente esquisito em uma instituição que transpira democracia e transparência.

31 comentários:

aerosmith 23 de março de 2010 15:16  

Ou pelo menos tenta, transparecer democracia e transparência...

Glaydson 23 de março de 2010 15:16  

Depois a OAB vem cobrar transparência na gestão pública, democraria, publicidade...

"Faço o que digo mas não faça o que faço" devia ser o lema assumido da OAB.

carol periotto 23 de março de 2010 15:16  

...e a cada dia que passa, eu fico mais cansada e desanimada pra estudar! tá difícil, tá muito difícil!

meu psicológico já foi pro lixo há muito tempo!

VAAAAAIII OAB! DIVULGA A DATA LOGO!

Flavia 23 de março de 2010 15:41  

Instituição que transpira democracia e transparência?! sarcasmo né?! Hope so!

Mario Berger de Sousa 23 de março de 2010 15:42  

Transpira democracia e transparência?

Ernani Netto 23 de março de 2010 16:10  

Isso tudo ocorre para criar um clima de tensão e nervosismo (além do que já existe normalmente) e tornar a prova ainda mais difícil para quem dela depende para trabalhar e sobreviver.

No mais, reitero o que já disse: MEDO QUE A OAB E SEUS MEMBROS TEM DE QUEM ESTA INGRESSANDO NA CARREIRA, COM VONTADE E NOVOS CONHECIMENTOS!

Não vejo a hora que decretem o fim do exame!!!

Donizete 23 de março de 2010 17:15  

Eu particularmente entendo que a OAB já divulgou a data da prova como sendo no dia 11/04 e ela fez isso no dia em que foi realizada a reunião que decidiu pela anulação da segunda fase do exame. A OAB não tem obrigação legal de divulgar nada na "grande midia",ela tem obrigação de divulgar pelo site da Ordem ou do CESPE (inclusive isso está no edital).Se ela já decidiu pela realização nodia 11, já está tudo preparado, a OAb não precisa dizer que já está tudo preparado.

Airton 23 de março de 2010 18:07  

Realmente surpreendente a atitude da OAB a respeito deste triste episódio, diga-se, diferente, mas, para mim o segundo equívoco, dentre outros menores desde a 2ª Fase do Exame da Ordem 2009.2 e se estende até a presente data. Reitero minha opinião, falta a dupla OAB / Cespe, gestão, cujos requisitos não podem ser exigidos da advocacia, que não é preparado para esta finalidade, sugiro novamente, contratem uma empresa de consultoria para resolver todas essas pendências as quais,a cada dia que passa desgasta a imagem da instituição orgulho dos profissionais operadores do direito e respeitadíssimo em todo o País. Infelizmente, o Presidente anterior, e o atual, pautam o mandato com discursos eloquentes, sem entretando convencerem aos envolvidos, nem tampouco com soluções que dignifiquem a intituição que representam.
Estamos surpresos, atônitos, não sabemos o que fazer, reféns de uma postura que nos dá impressão de pouco preocupada com os bacharéis e até certo ponto amadora, pois deixam sempre dúvidas ao tomarem uma decisão. Porque isto? O que fizemos para merecer isto? Alguém poderá nos auxiliar para resolver isto? Ou a quem interessa tudo isto? Valha-me Deus, quero encaminhar minha vida, me ajudem, socorro.....alguém está me ouvindo, por favor respondam!!!!!!!!!!

Airton 23 de março de 2010 18:09  

Na real penso que farão a 2ª Fase Exame da Ordem 2009.3, junto com a 1ª ou 2ª Fase do Exame da Ordem 2010.1, quem viver verá............

lfmarassini 23 de março de 2010 18:32  

Caro Maurício

Já que a OAB é uma instituição que ´´transpira democracia e transparência´´ (sic), poderiam, em nome dessa ´´transparência´´ divulgar certos dados nebulosos, tais como Quanto è arrecadado com cada edição do Exame de Ordem, onde este dinheiro é aplicado, quem é beneficiado por ele, etc etc, e principalmente os valores dos contratos que esta instituição tem com a CESPE para elaborar o Exame.

Também poderiam divulgar, por exemplo, quanto arrecadam nacionalmente, em nome da transparência né ? Considerando que a OAB não é auditada pelo TCU e não é obrigada a abrir as suas contas a ninguém, não seria de bom feitil que, em nome da democracia e da transparência, a OAB divulgasse esses e outros dados ?

Seria muitíssimo esclarecedor....

Rodrigo 23 de março de 2010 18:55  

A informação oficial da OAB é a prova no dia 11/04. A data de 18/04 foi só especulação do presidente em uma entrevista (nada oficial). A princípio, se não for mudar a data, a OAB pode não falar nada mesmo....sei lá..

Claudia 23 de março de 2010 20:10  

Simplesmente estamos "privados" de viver em virtude da OAB...não posso marcar viagens a trabalho, tenho uma colega gravida de 8 meses que não sabe nem que dia marca o parto...
Realmente os danos são incalculaveis...jamais imaginei que pudesse acontecer isto comigo ficar dependente da OAB!!!!

lucas 23 de março de 2010 20:44  

Não sou a favor do fim do exame...so que sinceramente, ta ridículo isso.
Não sou advogado por incapacidade da oab/cesp de fazerem uma prova sem fraudes.
Me sinto mal por ter estudado, estar preparado, ter passado na segunda fase pelo que vi nas correçoes e simplesmente, não corrigiram minha prova e não querem dar a prova de novo, pq o que estou vendo é isso, a aprtir do momento que não dizem nada, simplesmente acho que não querem dar a prova....RIDICULO!

Ernani Netto 23 de março de 2010 20:55  

Para o Donizete:

Se já está tudo preparado porque não confirmar a data? Qual o lucro que a OAB tem com isso?

Na verdade, existe uma trama mal explicada, pois até agora nada sobre a fraude, nem sobre o suposto fraudador.

Essa história está dando nos nervos de quem precisa passar na prova para trabalhar, só não incomoda quem não depende dela...

André Dantas 23 de março de 2010 21:08  

E ainda tem gente que defende a OAB com unhas e dentes, além de dizer-se favorável ao malfadado exame de ordem.
Quanto às possíveis teorias sem embasamento, eu tenho uma: É A TEORIA DO CAOS!!!
Graças a Deus estou dentro da disputa por uma vaga na polícia civil, e se ELE me agraciar com a aprovação final...OAB NUNCA MAIS!!!

Rodrigo 23 de março de 2010 21:56  

É simplesmente um absurdo termos que nos sujeitar a uma conduta tão anti-ética, imoral e injusta, pra não dizer "inconstitucional".

Até hoje, podemos dizer que houve de tudo da OAB Federal menos a "transparência". Da reunião apenas se decidiu que a injustiça e o desrespeito irão prevalecer com aqueles que serão em breve colegas de trabalho/profissão, onde não se toma qualquer posicionamento ou ato direto sobre o assunto.

Falo por mim, mas sem dúvida represento milhares de bacharéis que não têm tantas posses econômicas, e que dependem mais do que tudo de uma breve aprovação no Exame da Ordem para que finalmente possam exercer sua profissão com dignidade e atuarmos conforme o tão belo juramento que fizemos em nossa colação de grau.

A cada dia que passa sem uma data ou solução da OAB, é um dia de experiência, de salário e de paz que perco. Além disso, atuo em um escritório que apenas aguarda a minha aprovação para que eu finalmente exerça o ofício de advogado. Veja quanto prejuízo tem ocorrido com esse atraso infame.

Repito, até hoje a única constatação real e concreta que temos é de que apenas 1 (HUM) bacharel possuía um gabarito. É inadimssível que todos os bacharéis paguem e sejam punidos por suposições e alegações distantes da realidade.

Hoje, começo a compreender por que tantos advogados não gostam e não não têm qualquer afinidade com a OAB, afirmando que hoje em dia a instituição está longe de defender os militantes e os preceitos normatizados no EAOAB e no Código de Ética, isso sem mencionar nossa Carta Magna.

De fato, pagarei as contribuições porque serei obrigado, pois após toda essa celeuma e incapacidade de nossos representantes eu nunca mais apoiarei qualquer proposta da minha Seccional.

Nota-se que a OAB tem muito mais capacidade de afastar seus representados do que instigar a colaboração e a união dos mesmos. Deplorável...

Jose Itamar 23 de março de 2010 22:04  

Meu caro colega "lfmarassini", com o dinheiro arrecadado nos Exames de Ordem, vai tudo para o "bem da Advocacia", afinal é um dinheiro totalmente auditado e aprovado, afinal o Exmo sr. presidente da OAB irá viajar com sua comitiva, se não me engano para Portugal, para defender as "Prerrogativas dos Advogados", tudo isso com dinheiro suado do pobre Bacharel que paga as inscrições no Exame de Ordem. acreditem quem quizer. abraço a todos os colegas.

Gui 23 de março de 2010 22:25  

Tenho uma dúvida. Vou fazer o exame da ordem 2010.1 e gostaria de saber como esse problema quanto a data da 2ª fase da 2009.3 pode afetar a próxima prova. O próximo edital pode sair antes de findadas as fases do 2009.3? Há algum tipo de previsão quanto à divulgação do edital 2010.1?? Aguardando respostas, desde já agradeço a atenção e parabenizo o blog que é bastante interessante!!

Aira 24 de março de 2010 08:07  

O silêncio sobe o assunto não é coincidência. Dos 88 candidatos do sexo masculino que fizeram esse exame em Osasco há 2 vereadores e 20 funcionários da Prefeitura. E que não venha também a OAB com esse papo de que não daria tempo para elaborar a diagramação encontrada na cola. Em menos de 5 minutos, alguém com boa experiência é mais do que capaz de scanear a prova ( via OCR, com reconhecimento da fonte ) e montar a diagramação de um código, imprimir em papel semelhante e inserir a maldita folha no meio das outras como se tivesse sido prensada.
O cerco se fecha. O silêncio mostra-se como um prenúncio do desastre.
Não há qualquer comunicado oficial no site do CESPE sobre a data da prova. Ou seja, não será uma mera declaração em uma entrevista a confirmação nacional da data do exame.
Enquanto isso, passeamos em Portugal...

Gustavo 24 de março de 2010 09:18  

Pow to com medo, pq se a TERCEIRA fase eles não sabem a data... qdo será a QUARTA ou QUINTA fase? É pq vai ter q ter outras fases né, já que não apuraram nada e fraudes irão evidentemente ocorrer de novo!

Gabriel 24 de março de 2010 09:48  

Donizete,

Você trabalha na OAB? Faz parte de alguma Comissão de Exame de Ordem?
Porque essa insistência em defender tudo o que a OAB faz?

Tatá 24 de março de 2010 10:03  

Não considero como oficial a data de 11/04, pois ela não foi fixada na página da Cespe, juntamente com o edital e demais comunicados. Entendo que algo que tão somente foi divulgado pela imprensa não tem essa característica e, até o momento, a única coisa que foi "aditada" ao edital através de um comunicado e, portanto, pode ser considerada oficial é a anulação.
Até, caso a minha percepção esteja errada, peço que seja esclarecido o real funcionamento dessa bagunça...se é que podemos usar o termo "funcionamento" para algo que já provou não funcionar.

Gabriel 24 de março de 2010 10:10  

a data tem que ser divulgada na cespe, site do concurso.

Flavia 24 de março de 2010 10:48  

Como muitos estão dizendo que a data do dia 18 de abril era só uma possibilidade, e que seria uma notícia da imprensa e não da própria OAB, seria então correto imaginarmos que o oficial é mesmo no dia 11?! Acontece que o comunicado que anula a prova (ultimo comunicado ofical da própria oab no site do exame em andamento) não menciona também qualquer data, nem mesmo o dia 11!! Logo, oficialmente não haveria ainda data?! Ou no site da OAB ou do CESPE o dia 11 já havia sido realmente divulgado? Fiquei nessa duvida agora!! Se realemnte havia algo oficial a respeito do dia 11. Me respodam por favor!
Penso ainda que, se o Presidente da OAB foi à imprensa dizer que seria muito provável a mudança para o dia 18, e não o fez pelo site da OAB, da mesma forma teria que dar esse respaldo à imprensa (e a todos nós, claro!) do dia que realmente acontecerá esta prova!
Enfim, seguimos esperando... indignada e anciosamente!

Ralffer Barbosa 24 de março de 2010 11:04  

Vejam como o pessoal da OAB/DF está superatualizado!

http://www.oabdf.org.br/152/15201007.asp

Não sei se dá vontade de rir ou chorar. Em 5 dias sairia o resultado da 2009.3.

Estão pouco se lichando pra todos nós! Lamentável tudo isso!

texugo 24 de março de 2010 12:56  

para o Donizete

onde voce viu que a prova sera realmente no dia 11/04??porque nem no site da oab nem no site do cespe tem especificando nada.

Leonardo 24 de março de 2010 15:23  

Um "opa" para os amigos irresignados como eu!!!

Já virou descaso!! A OAB achincalhou todo nosso esforço, nossos sonhos e possibilidades com a abritrária anulação da segunda fase.

Como se não bastasse, agora se faz de surda, muda e cega. Puro desleixo, despreocupação, irresponsabilidade. Bom seria que a partir de agora os futuros provimentos regulamentadores do exame fixem um prazo mínimo para redesignação de provas, pois pela zona que está, o futuro com certeza trará novos episódios desse tipo.

Por enquanto, nós, examinandos da prova 2009.3 ficamos sem qualquer perspectiva. Não dúvido que "eles" designem a data da "terceira fase" bem próximo à data do exame 2010.1, para que os tontos aqui se obriguem a fazer uma inscrição por precaução e, assim, novamente engordem o "porquinho" da OAB. É sempre assim, sem voz, sem força, sem esperança, que aguardamos os novos capítulos.

Escrevemos por escrever, a nós, para nos confortamos, porque, no fundo, sabemos que ninguém nos ouve, isso aqui pouco importa aos outros. É uma pena.

Leonardo 24 de março de 2010 15:23  

Um "opa" para os amigos irresignados como eu!!!

Já virou descaso!! A OAB achincalhou todo nosso esforço, nossos sonhos e possibilidades com a abritrária anulação da segunda fase.

Como se não bastasse, agora se faz de surda, muda e cega. Puro desleixo, despreocupação, irresponsabilidade. Bom seria que a partir de agora os futuros provimentos regulamentadores do exame fixem um prazo mínimo para redesignação de provas, pois pela zona que está, o futuro com certeza trará novos episódios desse tipo.

Por enquanto, nós, examinandos da prova 2009.3 ficamos sem qualquer perspectiva. Não dúvido que "eles" designem a data da "terceira fase" bem próximo à data do exame 2010.1, para que os tontos aqui se obriguem a fazer uma inscrição por precaução e, assim, novamente engordem o "porquinho" da OAB. É sempre assim, sem voz, sem força, sem esperança, que aguardamos os novos capítulos.

Escrevemos por escrever, a nós, para nos confortamos, porque, no fundo, sabemos que ninguém nos ouve, isso aqui pouco importa aos outros. É uma pena.

Evandro 24 de março de 2010 15:43  

Li uma informação, postada pelo site migalhas, de que a data da prova, marcada para o dia 11 de abril 'pode' ser alterada.
É o que parece que realmente vai acontecer mas, esperamos que essa "nova data" seja definida logo né.
Acho que ninguém aguenta mais isso.

texugo 24 de março de 2010 20:25  

Gustavo

Fraudes ocorrerao como sempre ocorreram, mas a chance de outro "animal"(refiro-me ao examinando que foi flagrado) levar as respostas para o exame sao infimas..é isso que a oab e o cespe querem, que tudo isso caia no esquecimento.

é um absurdo fazer outro exame sem que seja apontado(e responsabilizado) o culpado pelo vazamento..cade a moralidade que o Dr. Ophir falou? pelo visto foi so pra cego.......

Marcela 25 de março de 2010 09:19  

Estou desmotivada para estudar...se antes, a prova quando elaborada pelas Seccionais já detinham suspeição de conduta dos respectivos membros, na elaboração e aplicação; acreditava que com com a unificação, pelo Cespe, tudo isso fosse mudar! 'Isto é uma vergonha'!

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP