Saiu o resultado final do Exame de Ordem 2.2009

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Saiu o resultado final do Exame de Ordem 2.2009. Cliquem no link abaixo, escolham suas respectivas seccionais e boa sorte!!

Resultado Final exame 2.2009

48 comentários:

Thelma e Jader 9 de dezembro de 2009 18:24  

Pessoal
Façam manifesto contra cesp.
Segue e-mail da comissão nacional de exame da ordem:

comissoes@oab.org.br

abraços.
Jader

Thelma e Jader 9 de dezembro de 2009 18:25  

Pessoal
Façam manifesto contra cesp.
Segue e-mail da comissão nacional de exame da ordem:

comissoes@oab.org.br

abraços.
Jader

vitor 9 de dezembro de 2009 18:29  

Tem um modelinho de MS pra nós?!! Aqui no pará a lista ficou praticamente a mesma!! Não alterou nada!

Cristiano 9 de dezembro de 2009 18:35  

No Rio de Janeiro, a lista ficou idêntica.

Radesh 9 de dezembro de 2009 18:38  

passeeeiiiiiiiiiiiiiii...

Antônio 9 de dezembro de 2009 18:38  

Passei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Obrigado Dr. Maurício por nos manter atualizados durante este, que sem a menor sombra de dúvidas, foi o mais conturbado Exame de Ordem!

CHUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUPA CESPE!!!!!

Sidarta 9 de dezembro de 2009 18:43  

É, um MS agora é o melhor caminho, além de nos matarmos de estudar de novo!!! Ahhh, acabaram as festas de fim de ano pra mim.

Valdir Antonio 9 de dezembro de 2009 18:45  

Aprovado com o recurso. Obrigado professor.

nevermind 9 de dezembro de 2009 18:45  

Finalmente acabou!!! Parabéns aos aprovados.

eduserejo 9 de dezembro de 2009 18:45  

RN aprovou apenas 20 depois do recurso !!!! PASMEM!!!!

Shelly Csajkovics 9 de dezembro de 2009 18:55  

como se nao bastasse tudo que ja passamos, ainda teremos que aguardar ate o dia 17 para saber o resultado dos recursos.
o cespe ama maltratar os bachareis, e vive tentando nos matar de ansiedade !! Afff

Omar Roberto de Aguiar Filho. 9 de dezembro de 2009 18:57  

Por Enquanto

Composição: Renato Russo

Mudaram as estações, nada mudou
Mas eu sei que alguma coisa aconteceu
Está tudo assim tão diferente...

Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar
Que tudo era pra sempre, sem saber, que o pra sempre
Sempre acaba...

Mas nada vai conseguir mudar o que ficou
Quando penso em alguém só penso em você
E aí, então, estamos bem...

Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está
Nem desistir, nem tentar agora tanto faz
Estamos indo de volta pra casa...

Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está
Nem desistir, nem tentar agora tanto faz
Estamos indo de volta pra casa...

The end!

Estas são as minha palavras, palavras repetidas do gênio Renato Russo que representa quase uma bíblia para os joves, sempre em alguma música dele há resposta para o que passamos.

Me sinto angustiado, mas ao mesmo tempo feliz! Não passei, nem vou impetrar um MS. Vou fazer um novo exame, até passar.

Quero mesmo é apagar da memória esse exame ridículo que passou.

Desejo a todos sorte e a mesma convicação que eu adquiri, somos capazes de mudar o mundo, quanto mais passar num exame de ordem!

Não sou anônimo, sou o que sou e não tenho vergonha de dizer que se não foi dessa vez, minha hora chegará!

Abraço grande Maurício, obrigado por sua ajuda e pelos conselhos depositados neste tão precioso BLOG!

Boa sorte a todos!!!

Clediane 9 de dezembro de 2009 19:03  

por favor...mandem modelinhos de MS...

Aqui no MT tb.

bjos

Aristoteles 9 de dezembro de 2009 19:12  

Eu passei Graças a Deus! Continuo solidário com os demais amigos para o que der e vier...

Nilson 9 de dezembro de 2009 19:14  

Não corrigiram meu IJ, kd a isonomia. Para piorar só vão disponibilizar a correção dia 17/12, após termos pago a taxa do exame 2009.3. Cerceamento do direito de defesa, pois com esta atitude estão tentando evitar uma liminar antes do fim das inscrições. Prevale o interesse economico da ordem.

Raniere 9 de dezembro de 2009 19:15  

Francisco Raniere Batista de Araújo, fico grato pelas dicas para impetrar o recurso da prova prático profissional 2009.2, direito do trabalho.

Passei.

FELICIDADE 9 de dezembro de 2009 19:20  

Aqui em SC a lista também ficou praticamente a mesma.

QUEM CONSEGUIU PROVAS CORRIGIDAS REFERENTE IJ, RT/SEM CONSIG.PAGTº, RT SUMARÍSSIMO, FAVOR POSTAR NO BLOG.

ESTOU PRECISANDO, POIS NÃO PASSEI, POR FAVOR ME AJUDEM...

FOMOS TERRIVELMENTE INJUSTIÇADOS, POR QUE ANTES CORRIGIRAM VÁRIOS TIPOS DE PEÇA E AGORA NEM OLHARAM A TRABALHISTA?

PELA ATENÇÃO AGRADEÇO.

PARABÉNS A TODOS QUE CONSEGUIRAM A APROVAÇÃO...

bernardoleal 9 de dezembro de 2009 19:33  

q maravilha, ngm passou no recurso, pelo menos não aki no RS.

normal, né... qto menos gente passar, melhor pra quem tá dentro.

no meu infinito... 9 de dezembro de 2009 19:39  

MANTIVERAM A CORREÇAO.NAO RESPEITARAM O PRINCIPIO DA ISONOMIA.
ERA ESPERADO ATE PQ COMO IRIAM CORRRIGIR TODOS OS RECURSOS EM TAO POUCO TEMPO?!
MS JÁ

Douglas 9 de dezembro de 2009 19:48  

Acredito que não foi corrigido todos os recursos, pois eu precisava de apenas 0,4 e não corrigiram meu endereçamento e a notificação. Só nesses quesitos receberia 1,0 e não passei... Não devem ter corrigido todos com o mesmo critério... cadê o princípio da isonomia?? MS!

Silvio 9 de dezembro de 2009 19:54  

Compro Carrinho de Hot Dog

Interessados entrar em contato.

aabs 9 de dezembro de 2009 20:16  

existe algum modelo de ms que pode ser usado pelos que fizeram inq. jud., pois não passei já meu primo que fez a peça praticamente igual a minha teve em sua peça nota 1.8

simone.pedrosa 9 de dezembro de 2009 20:18  

Na PB a lista tb foi a msm. Tá na cara q nem olharam os recursos como haviam dito q todas as peças seriam corrigidas.

Dr. Mauricio, gostaria de sua opinião, como estudioso e observador do exame, saiu ao fim de toda listagem o seguinte tópico:
2 DAS DISPOSIÇÕES FINAIS
2.1 As respostas aos recursos interpostos contra o resultado na prova prático-profissional estarão à disposição dos candidatos a partir do dia 17 de dezembro de 2009, nos endereços eletrônicos
www.oabpb.org.br ou www.oab.org.br.

Fiva evidente a má-fé da OAB, pois entende-se que os espelos só serão publicados nesta data, ou seja, quando acaba o prazo p inscrição do exame 2009.3!! Geralmente os espelhos são publicados no dia seguinte à lista n é verdade??

Agradeço sua atenção!!

examinandos 9 de dezembro de 2009 20:30  

Mais uma vez a injustiça prevalece!!! VIVA A palhaçada das Instituições!!!!
Quanta desmoralização...
Nos dias atuais Voce querer ser justo, correto, só leva à descrença e a infelicidade. Correr atrás dos seus direitos, daquilo que é correto diante da CF, direitos e garantias fundametais, contraditório, ampla defesa.... Tudo balela. Quem manda mesmo é poder das Instituições repletas de incapazes e incompetentes.
Que lição de moral a OAB nos deu com este resultado.
Gastos com recurso e prejuizo não so financeiro, mas intelectual querendo entender o que a OAB quer???Não são nada pra nos estudantes desempregados.
Uma imoralidade, cadê os principios, onde estão guardando eles?, nas meias, nos ternos? Ou será que na sacolinha da AVON/NATURA ...
Que País é esse??? Nos livros nos ensinam a resolver os conflitos com coerência, e sem abarrotar o judiciário com processos infundáveis,lembrei: "celeridade processual"... É isso que dizem!!! A MÃE OAB nos ensina: recorram no judiciário, eu sou a dona da razão.
Ninguém é dono da razão,errar é mais que humano, é sábio!Só quem erra aprende.
Parabéns!! Nós merecemos essa palhaçada e essa falta de vergonha que tá virando as instituições publicas e privadas desse Pais... Mas quem somos nós??? Lembrei!! Estudantes que investem nos estudos ao invés de cobrar cargos comissionados no governo.
Comissão examinadora do Exame da Ordem vão pra Brasília, lá é o lugar de gente proba como vocês.

Blima 9 de dezembro de 2009 20:47  

Pessoal,

A OAB só sabe exigir transparência para os outros, porém, para os erros grosseiros da própria OAB, não existe transparência, porque, os dirigentes acreditam que estão acima da lei, para os atos praticados pela Comissão de Exame de Ordem.
A atitude da OAB em relação à peça de Direito do Trabalho, é motivo de MS, porém, para aqueles que pretende ingressar com o MS, pensem bem, porque, corre o risco de não mais passar em exame de ordem. O correto seria um MS, através do MP.

Obs. Tudo leva a crê que, já foi uma represaria a não aprovação do brilhante colega José Henrique Azeredo.

Mastruz 9 de dezembro de 2009 20:50  

Estes são os bacharéis que se dizem "injustiçados". Ou seja, bacharel que não sabe fazer um Mandado de Segurança, fica pedindo pelo amor de Deus que alguém publique aqui um modelo, não merece mesmo aprovação no exame.

danielbeatriz 9 de dezembro de 2009 20:56  

Passei, eu precisava de 1,7 e passei !!!!!

Os Melhores são os perseguidos! 9 de dezembro de 2009 21:33  

Nesta nova data,17/12/09 mudará alguma coisa em relação ao deferimento dos recursos?Alguém sabe dizer?Ou é apenas uma estratégia de advogados criminalistas para protelar a prisão dos réus?

Jocelio 9 de dezembro de 2009 21:34  

Galera, não desistam, o cespe errou! A pergunta da tripla interpretação, tanto que foi necessário várias reuniões para decidirem não fazer nada e apostarem na nossa inanição, não vamos permitir isso, nós somos capazes e nossas provas não foram corrigidas pois eu e muitos outro precisávamos de poucos pontos e não conseguimos ou seja nossa peça foi zerada, nem o endereçamento foi corrigido.

Dr Maurício, muito obrigado por tudo que tem feito por nós, por favor continue com esse trabalho que o senhor tem feito. É muito mais fácil e rápido as informações do seu blog do que no site oficial. Inclusive a antecipação de alguns resultados vem a calhar pois ficamos ansiosos e a OAB não tem a menor consideração por nós.

E MAIS VAMOS ENTRAR COM TERCEIROS INTERESSADOS NA AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE CONTRA O EXAME DE ORDEM!

Ou pelo menos tirar todo esse poder das mãos da OAB, pois eles dormem e acordam com uma resolução diferente pra nos ferrar!!!!
jocelio@ymail.com

Vida Macha 9 de dezembro de 2009 21:35  

No Ceará nada mudou também!

Clara 9 de dezembro de 2009 21:47  

Prezados Colegado do Blog,

Consegui passar após fazer o meu recurso (aréa de concentração: trabalho).
Gostaria de agradecer ao Dr. Maurício e a todos os colegas. Esse blog foi essencial à minha aprovação. Encontrei aqui muitas dicas e muito ânimo para prosseguir até a fase final do recurso, quando então logrei êxito.
No início do curso de Direito eu estudava muita, contudo, nos últimos semestres estive trabalhado pesado e me prejudiquei nos estudos.
Gostaria de dizer que essa foi a primeira vez que eu fiz a prova do exame e (graças a Deus) obtive minha tão sonhada aprovação.
Aos que não conseguiram insistam até o fim, pois a coragem é que nos motiva a vencer.
Abraço a todos e muita sorte.

Thiago 9 de dezembro de 2009 21:56  

Aqui, não tenho nada haver com essa história, passei sem recurso e sou solidário a todos. Só queria fazer um comentário porque tenho visto não só nesse tópico mas em vários tópicos desse blog pessoas invocando principios do direito em especial o administrativo para falar da OAB. E esta juridicamente errado, porque, a OAB não é ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA. Ela é uma pessoa jurídica Su Generis, então parem de falar, a OAB infrigiu o principio da PUBLICIDADE, a OAB ta pouco se lixando para publicidade, nem auditoria fiscal tem nela para vocês terem idéia. Principio da ISONOMIA, a OAB só trata com isonomia seus membros, ou sejam, advogados. E outros principios que o pessoal fica falando. Li esses dias um rapaz falando aqui nesse blog: - A OAB sangrou a constituição com esse exame, a amigo acho que você nunca leu um livro de constitucional na vida, ou melhor, acho que nunca leu a constituição. Em fim, parabéns aos aprovados. Lamento pelos reprovados porque o exame relamente não avaliou conhecimento, mas visão do DIREITO como o que ele é um todo e não retalhos didáticos. Ao meu entender a prova estava sim mal formulada, acredito que até mais nas questões do que na peça, mas dava para achar respostas em meio a leituras calmas e reflexões lógicas. Calma todo mundo, tive aula com um dos melhores professores de Trabalho que já vi, e ele é super bem sucedido na advocacia e para consolo de todos ele reprovou 3 vezes no exame. Então o mundo não acabou, tudo na vida tem um porque e um dia todos irão entender. Alguns irão passar em concursos antes do exame e talvez nunca serão advogados, quem sabe né, não seria melhor um analista judiciário da vida ai. 8 mil garantido todo mes. Quem sabe... continuar estudando que o melhor irá acontecer.

PATRICIA RAQUEL 9 de dezembro de 2009 21:56  

Santa Catarina! nada mudou!
aqui também não proveu nenhum recurso! o meu não foi nem analisado pois acertei a peça (apelação, pois minha opção é em direito administrativo)e meu emabasamento todinho foi o mesmo do padrão de resposta Cespe! e minha nota foi de míseros 2,70 numa peça que deveria na pior das hipóteses, valer 4,40.

Omar Roberto de Aguiar Filho. 9 de dezembro de 2009 22:47  

Ah!!!
Gostei da postagem do Silvio no Blog Exame de Ordem:
"Compro Carrinho de Hot Dog.
Interessados entrar em contato."

A melhor postagem, sem dúvida!

Em pouquíssimas palavras reflete a situação dos que passaram 5 anos estudando numa faculdade e se depararam com o mercado de trabalho: o bacharel é um Zé ninguém, advogado sem papai rico é um sofredor em busca de um sonho, terá que batalhar num campo de guerra onde suas armas serão acima de tudo a confiança no seu trabalho e a esperança que um dia conseguirá ter um padrão de vida digno de tantos estudos. Concurso, meu Deus, só tendo uma estrutura de no mínimo mais 4 a 8 anos de despesas pagas por alguém para conseguir passar num cargo melhor.
Uma coisa é certa, não existe sorte na carreira jurídica, existe muita perseverança.
Senão for assim, vamos vender cachorro quente que é melhor!

jessica 9 de dezembro de 2009 22:55  

Triste fim...
Assim como muitos colegas aprovados e de acordo com o próprio espelho da CESPE, eu fiz uma Rt com pedido de consignação.
No entanto, não corrigiram/ADMITIRAM minha peça e minhas questões mesmo estando inteiramente corretas não me deram pontuação máxima, me deram apenas 0,8 por cada...
Se ao menos tivessem lido meu recurso teriam visto as provas que juntei,e que eu tinha razão...

Tenho certeza, que nem todas as peças foram lidas na fase recursal, se não teria passado...
TO DECEPCIONADA! TEREI QUE IMPETRAR UM MS E AINDA SEREI OBRIGADA A ME INSCREVER NOVAMENTE NESSA PROVA...espero que assim consiga JUSTIÇA!

joclemy 9 de dezembro de 2009 23:50  

Olá irmandade trabalhista! Nossa indignação não é pequena, porém, não devemos desanimar. Agora mais do que nunca deveremos perseverar em busca de nossa aprovação, só assim poderemos expulsar os que se acovardaram em assumir a injustiça que cometeram conosco.
Não merecem nossa representatividade e não vamos esquecer seus nomes. Deveremos gravar todos os nomes dos conselheiros do exame de ordem para na primeira oportunidade darmos o troco que merecem.
Não tenho dúvidas, como já falei aqui neste blog, que muitos dos que estão lá cheio de pose não passariam no exame de ordem.
Não posso avaliar suas competências, porém, o exame de ordem não mede competência, se assim o fosse não veríamos verdadeiras aberrações nas audiências que assistimos durante nossos estágios.
Vamos juntos mudar esse quadro e mesmo passando nesse exame vamos lutar para qaue o mesmo acabe.
Não creio ser o mesmo um medidor de capacidade dos bacharelandos, está mais para um captador de recursos financeiros.
Boa Sorte a todos e sucesso no próximo....

norma 9 de dezembro de 2009 23:56  

Por favor, parem com isso, já está deprimente...por acaso vcs acham que todo mundo passa de primeira? que será o culpado agora? qual será a muleta da vez? MS? Vão é acabar perdendo o próximo exame...Vão estudar, é o melhor que vcs tem de fazer...

mone 10 de dezembro de 2009 07:10  

Por favor postem um modelo de MS, eu fiz RT, e nem sequer olharam minha prova.

parabens aos que lograram exito.

Rafael 10 de dezembro de 2009 10:11  

Silvio(19:54), não se iluda, pois tem advogado por aí, e aos montes, que já tem seu carrinho de hot dog, afinal é tanto advogado que é jogado no mercado todos os anos que é pura ilusão pensar que só porque vai ser aprovado no exame vai ter a redenção financeira. E não me venha com a conversinha para "boi dormir" de que o mercado escolhe os melhores", que sempre tem lugar para os bons, porque tudo isso é teoria barata, na prática não funciona.Se já é assim, imagine você se o exame não existisse.

maik moon 10 de dezembro de 2009 12:13  

Passei!
Agradeço a ajuda deste blog, principalmente nas dicas para recursos.
Agora é só esperar para receber o certificado e encaminhar a inscrição!

José Clésio 10 de dezembro de 2009 14:18  

Parabéns aos que passaram!!!
Aos que não passaram, não desistam!!!

Agora uma dúvida: muitos que se dizem preparados para serem advogados, que estudaram 5 anos, que não é justo o exame, que é inconstitucional, etc...
Por que querem "MODELO" de peça processual??? E os argumentos e fundamentos jurídicos que aprenderam nos 5 anos??? Estão realmente preparados para exercerem a advocacia???

luciano_calebe 10 de dezembro de 2009 16:15  

pessoal, GRAÇAS A DEUS eu passei, precisava de 2.9 e consegui no recurso .... fiz ACP... porém a correção da minha prova tinha sido ridícula... se quiserem ver meu recurso, me mandem um email.. pelo menos, eu consegui 2.9.. pode deixar q eu encaminho.. claro, se houver interesse... mas muito obrigado ao Dr. Mauricio e a tds.. acompanhei esse blog tds os dias... valeu pessoal e boa sorte a quem vai pro 140

katia 11 de dezembro de 2009 09:43  

preciso de espelhos para poder tentar entrar com mandando de segurança quem puder me passar o espelho de correção agradeço

email: katiaipt@gmail.com
msn: katiamorena84@hotmail.com

Melancia Redonda 12 de dezembro de 2009 17:15  

Thiago (21:56), provavelmente o tal professor ao qual você se refere é o Glebi. Acontece que tem um ditado muito sábio, que diz assim: "quem nunca comeu mel quando come se lambuza". Fazer o que se você teve aula só com os piores. Ora, quem nunca teve aula com os melhores vai achar mesmo que os piores são os melhores. Ah, antes que eu me esqueça, quero dizer que sua redação mostra bem que você é "ótimo".

ricardo 13 de dezembro de 2009 08:31  

gente é muito dificil impetrar MS contra a CESPE ou até mesmo contra a OAB por conta da prova em especial sobre a pontuação acrescida ou não após os recursos administrativos, vejamos então o entendimento da JF:
. 1. No que concerne a exame da OAB, não cabe ao Poder Judiciário, julgar procedimentos de avaliação e correção das questões das provas, uma vez que se trata de competência da banca examinadora, salvo quando ocorrer na realização do certame ilegalidade.

Joseli 13 de dezembro de 2009 17:35  

Em Jão Pessoa só passaram 2 depois do recurso. Algum modelo de ms que possa passar. Agradeço.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP