Observações sobre a quebra de segurança

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Algumas observações sobre o vazamento de provas e espelhos hoje:

1 – A quebra EFETIVAMENTE ocorreu. Só Deus, na sua onisciência, sabe quantas pessoas viram “n” provas e espelhos até o momento em que Cespe sanou o problema;

2 – Aparentemente 15 minutos após a falha ser divulgada no Blog Exame de Ordem o Cespe se apercebeu do problema, corrigindo-o.

3 – A falha foi percebida na manhã de hoje, bem cedo. Ela certamente perdurou, no mínimo, por umas 4 horas, mas creio que durou mais ainda. Só percebi o problema depois que alguns internautas me alertaram. Quando olhei a nossa comunidade no Orkut, a informação já estava trepidando.

Centenas de pessoas viram provas e espelhos de forma absolutamente indiscriminada, em outra falha no site do Cespe. Quais as implicações em termos de segurança decorrem dessa falha eu não saberia dizer, mas tenho a mais irrestrita convicção que o assunto merece uma investigação.

O sigilo dos candidatos e da prova foi explicitamente quebrado.

Não vou me alongar em teses e teorias por enquanto, pois entendo que, pela gravidade da falha, o Cespe e a OAB deveriam publicar uma nota sobre o fato, e de preferência ainda HOJE, explicando o que aconteceu.

A falha de segurança foi grave, muito grave mesmo.

29 comentários:

Heleno 9 de dezembro de 2009 16:39  

O Dr. Maurício assiste razão em suas palavras. Com efeito, as instituiçõs tem que investigar esse vazamento e aquele referente ao tal padrão de resposta. É um absurdo!!!Esse exame está envenenado...

Valdir 9 de dezembro de 2009 16:41  

Acessei a prova de algumas pessoas (tres) que fizeram RT sem pedido de consignação e foram aprovadas. Iso às 15 horas...somente não consegui as provas e sim os espelhos. A falha foi sanada depois das 15 horas.

Esther 9 de dezembro de 2009 16:43  

OLA,
Eu liguei para o CEspe,por volta das 15:00hs.Falei com uma das atendentes.Expliquei o que estava acontecendo.Durante miha conversa ainda dava para acessar.Ela pedi-me uns minutos,dizendo que iria conversar com seu superior.Imediatamente apos esse fato,os espelhos sairam do ar.
estou indgnada com tudo isso.inclusive,enviei um e-mail ao Sac do cespe...

brunoleomedeiros 9 de dezembro de 2009 16:46  

Dr. Mauricio, na verdade a falha na segurança começou na madrugada de hoje, creio que entre 00:00 e 01:00 da manhã e foi percebido em primeira mão na comunidade "Anulação Já".

brunoleomedeiros 9 de dezembro de 2009 16:47  

Dr. Mauricio, na verdade a falha na segurança começou na madrugada de hoje, creio que entre 00:00 e 01:00 da manhã e foi percebido em primeira mão na comunidade "Anulação Já".

Elih 9 de dezembro de 2009 16:48  

Começou nesta madrugada, durou a manhã inteira e parte da tarde.

paulo1234 9 de dezembro de 2009 16:49  

A Falha já estava no site desde a madrugada de hj...


cerca de 2 horas da madrugada

paulo1234 9 de dezembro de 2009 16:49  

A Falha já estava no site desde a madrugada de hj...


cerca de 2 horas da madrugada

Nay 9 de dezembro de 2009 16:55  

Eu quero saber é do resultado após o recurso, isso sim !!!!!!!

baratex2 9 de dezembro de 2009 16:56  

Ontem pela noite da comunidade "Anulação da peça já" todos já olhavam os espelhos dos outros candidatos alterando o número de inscrição no link de acesso!!!! essa falha durou muito mais de 4 horas!!!! Uma vergonha!!! o Site do CESPE é do mesmo nível de sua prova!! e agora OAB??? que tal mais uma decisão técnica??? OAB e CESPE, vcs se merecem!!!

Luana 9 de dezembro de 2009 16:56  

dr Maurício essa falha ocorreu por volta das 2h da madrugada....Isso quer dizer que o CESPE LEVOU MAIS DE 12h para corrigir o erro

Io5 9 de dezembro de 2009 17:01  

Dr. Mauricio, vecê acha que a CESPE e a OAB estão preocupados com o ocorrido? eles não tão nem ai, haja vísto que esse ano foram tantos os erros das mesmas que já perderam toda credibilidade, quero ver a OAB por meio de seus presidentes virem falar que a OAB, é a defensora da justiça. Balela, tenho vergonha antecipada de um dia ter de fazer parte desse conselho. O que eu mais queria era me encontrar frente a frente com um dirigente desse exame da OAB, tenho até pena do mesmo , pois ele iria escutar o que merece e ser desmoralizado em frente de todos.

Lianna... by Lianna 9 de dezembro de 2009 17:02  

Ontem a noite era possível visualizar os resultados de todos!!!! Ninguém merece este "vai-e-vem"

Reginaldo 9 de dezembro de 2009 17:03  

Claro que na vontade de uma aprovação os bacharéis se excitam com notícias com essa.Mas vamos colocar os nervos no lugar e refletir bem sobre as trapalhadas do CESPE. Ocorreram trabalhadas? Sim, várias. Mas tais trapalhadas prejudicaram alguém no que diz respeito à aprovação ou não no exame? É evidente que NÃO, o máximo que pode ter ocorrido foi a configuração de DANO MORAL contra alguns bacharéis. Vejam bem, sou capaz de afirmar que o dano moral ocorreu contra todos os bacharéis, pois é impossível se identificar aqueles que realmente sofreram a ofensa, mas como a falha ocorreu, pressupõe-se que todos foram ofendidos. E por que ocorreu o dano moral? Ocorreu porque ninguém autorizou a divulgação de seus dados e de sua prova pelo CESPE (a não ser os aprovados)e o edital é claro, claríssimo ao estabelecer que somente serão divulgadas as notas dos bacharéis aprovados.Portanto, o máximo que pode ocorrer é o ressarcimento por eventual dano moral, só que, para isso, o bacharél tem que ingressar com ação na justiça e PROVAR a ofensa. Ora, todos sabemos (ou deveríamos saber, enquanto advogados e bacharéis em direito), que fatos ocorrido por meio da internet só e provado por meio de certidão expedida pelo cartório de título e documentos, atestando o fato ocorrido, no caso, atestando que qualquer pessoa poderia, sem a senha, acessar aos dados, provas e espelhos de provas dos bacharéis. Agora eu pergunto: será que algum bacharel adotou as providências legais e suficients para confirgurar e PROVAR o dano moral? Tenho dúvidas.Quanto a anular provas pelo ocorrido, esqueçam, isso seria mais uma ilusão de vocês.

Reginaldo 9 de dezembro de 2009 17:03  

Claro que na vontade de uma aprovação os bacharéis se excitam com notícias com essa.Mas vamos colocar os nervos no lugar e refletir bem sobre as trapalhadas do CESPE. Ocorreram trabalhadas? Sim, várias. Mas tais trapalhadas prejudicaram alguém no que diz respeito à aprovação ou não no exame? É evidente que NÃO, o máximo que pode ter ocorrido foi a configuração de DANO MORAL contra alguns bacharéis. Vejam bem, sou capaz de afirmar que o dano moral ocorreu contra todos os bacharéis, pois é impossível se identificar aqueles que realmente sofreram a ofensa, mas como a falha ocorreu, pressupõe-se que todos foram ofendidos. E por que ocorreu o dano moral? Ocorreu porque ninguém autorizou a divulgação de seus dados e de sua prova pelo CESPE (a não ser os aprovados)e o edital é claro, claríssimo ao estabelecer que somente serão divulgadas as notas dos bacharéis aprovados.Portanto, o máximo que pode ocorrer é o ressarcimento por eventual dano moral, só que, para isso, o bacharél tem que ingressar com ação na justiça e PROVAR a ofensa. Ora, todos sabemos (ou deveríamos saber, enquanto advogados e bacharéis em direito), que fatos ocorrido por meio da internet só e provado por meio de certidão expedida pelo cartório de título e documentos, atestando o fato ocorrido, no caso, atestando que qualquer pessoa poderia, sem a senha, acessar aos dados, provas e espelhos de provas dos bacharéis. Agora eu pergunto: será que algum bacharel adotou as providências legais e suficients para confirgurar e PROVAR o dano moral? Tenho dúvidas.Quanto a anular provas pelo ocorrido, esqueçam, isso seria mais uma ilusão de vocês.

Reginaldo 9 de dezembro de 2009 17:05  

Pelo que me consta ninguém viu prova, viu só espelhos destas.

Awdrey F. Kokol 9 de dezembro de 2009 17:07  

Mauricio
qdo de manhã você colocou : "se nada de errado..." vc esperava por essa? Rs...

Christinne 9 de dezembro de 2009 17:16  

Pra mim essa prova virou caso de polícia!!!

AC 9 de dezembro de 2009 17:17  

Prezado Dr.
ONTEM, 8/12, a falha já tinha sido anunciada na Comunidade "Anulação da peça Já!" (Antiga: Inquérito Judicial").

Assim, a falha permaneceu por mais de 15 horas.

Paloma 9 de dezembro de 2009 17:44  

E o RESULTADO dos recursos?

vanio 9 de dezembro de 2009 18:11  

Saiu o resultado com deferimento de muito pouco recurso, ou seja, quase nada, nem deram bola para nossos pedidos. Cambada de pilantras, falta de respeito com quem estudou 5 anos e mais um pouco, mas ainda chegaremos lá.

Renato 9 de dezembro de 2009 18:11  

Saiu o resultado e pelo visto pouco mudou. Na minha cidade só 2 conseguiram sucesso com o recursso. repito: SÓ 2.

williams 9 de dezembro de 2009 18:38  

Pessoal, preciso do modelo de mando de segurança, quem tiver por favor coloque no blog. Obrigado

nevermind 9 de dezembro de 2009 18:44  

Maurício volto a reiterar que esta "falha" não é de hoje, nos exames anteriores tambem era possível vizualizar os espelhos e provas, acontece que ninguem estava tão inflamado quando nesse exame ao ponto de falar em dano moral e etc.
Como o pessoal acha que a falha é recente acharia interessante retificar seus posts e dizer que ja vem de vários exames atrás.

Abraço colega.

Jucimeire 9 de dezembro de 2009 19:48  

Boa noite Drs., gostaria de saber se alguém tem um modelo de MS alusivo a essa malsinada prova.

Favor encaminhar no e-mail robson707@hotmail.com

fred 9 de dezembro de 2009 20:36  

Arrisco a comparar o vazamento dos espelhos de prova aos segredos das senhas dos cartões de crédito. Qual a diferença dos dois?
1° - Ambos reservam espectativa pessoal, ou seja, PESSOAL.
2° - São sigilosos, a senha pela própria nomeclatura, e o espelho por sua qualidade funcional.
3° - Uma vez desvirtualizadas, vários malefícios poderiam decorrer.
Sendo assim, não gostaria de ver minha prova sendo divulgada na rede, muito menos minha senha sendo utilizada por terceiros.
Se pensam o contrário, utilizaremos espelhos diversos nas provas de juiz, mp, procurador e veremos as reações, e de igual forma, as senhas dos cartões dos examinadores.

q(* ^ *)p 9 de dezembro de 2009 21:22  

Americana de 42 para 54 aprov.=12
Araçatuba de 24 para 31 aprov.=13
Araraquara de 18 para 20= 2
Assis de 16 para 23=7
Barretos de 24 para 29=5
Bauru de 81 para 100=19
Bragança Pta de 39 para 46=7
Campinas de 112 para 134=22
Espiritto Sto Pinhal de 10 para 12=2
Franca de 51 para 69 = 18
Guarulhos de 49 para 61 = 12
itapetininga de 16 para 22 = 6
Jundiaí de 42 para 54 = 12
marília de 28 para 37 = 9
Mogi das Cruzes de 37 para 41 =4
Osasco de 100 para 129=29
Piracicaba de 53 para 61 =8
Presidente Prudente de 45 para 55=10
Ribeirão preto de 78 para 89=11
Santos de 125 para 192=67
SBC/S.Caetano do Sul de 131 para 150=19
São Carlos de 8 para 11=3
São joão da B. Vista de 14 para 30=6
São J.Rio preto de 65 para 76=11
S.José dos Campos de 45 para 56=11
São Paulo de 1457 para 1504=47
Sorocaba de 67 para 85=18
Taubaté de 59 para 72=13
Tupã de 4 para 5 =1

carol periotto 9 de dezembro de 2009 21:34  

A falha permaneceu desde a liberação dos espelhos!

Não acredito que ninguém tentou mudar o numero de inscrição que consta no link! Afff...

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP