OAB-DF desaprova salas de aula com mais de 60 alunos para curso de Direito

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

A Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Distrito Federal enviará recomendação a todas as faculdades de Direito do Distrito Federal para que não sejam criadas ou mantidas turmas com mais de 60 alunos. A entidade chegou à decisão após receber denúncias sobre a existência de cursos com turmas superiores a 120 pessoas. A prática não é ilegal, mas prejudica o desempenho da instituição, conforme critérios do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior, do Ministério da Educação. A recomendação foi aprovada por unanimidade.

Fonte: OAB/DF

7 comentários:

Donizete 21 de dezembro de 2009 16:26  

Com exceção das faculdades públicas, quero ver qual é a faculdade privada no BRASIL que tem menos de 120 alunos no primeiro, segundo e terceito ano curso.

Pirronico 21 de dezembro de 2009 16:57  

Eu estudei na Universidade Braz Cubas e a noite tinha 180 alunos na sala de aula. E a OAB tem convenio com a Universidade e tem consciência disso.

DIGNIDADE 21 de dezembro de 2009 18:01  

A OAB é muito devagar, até parece que este procedimeto começou hoje...poderiam ter agido sobre o número de Faculdades de Direito do país...faltou coragem, atitude e muitos outros adjetivos!!!

É uma pena...depois tentam sacrificar os bacharéis....e só ganham descredito!!!

LEMOS 21 de dezembro de 2009 18:42  

O NOVO PROVIMENTO ESTÁ AI, COMO TAMBÉM O EDITAL 2009.3, CADÊ OS FALATRÕES? É HORA DE MS NELES, ANTES DA PROVA, VAMOS BRECAR OS EXAMES.

JOSE CARLOS RODRIGUES 22 de dezembro de 2009 20:54  

Todo os dispositivos do 136/09, não caduna, com a Lei q a OAB, se ampara que afirma ser constitucional. Portanto, tbem não tem competencia de opinar se cabe 30, 50, 60, 120, 150 alunos em uma sala de aula, pq isto, é competencia do MEC, agora se o MEC não fiscaliza, tem o Ministério Público, que é o fiscal da Lei, para isto, que acione esta instituição, mas não fique fazendo noticiA PARA FICAR NA MIDIA.

ROSANA 22 de dezembro de 2009 21:12  

"DIGNIDADE 21 de dezembro de 2009 18:01".
Aí é que vc. se engana, pois são fatos como esse é que comprovam os argumentos da OAB p/ adotar o famigerado Exame de ordem. E hoje saiu mais uma notícia que a OAB adooooora, inclusive é destaque na página da OAB federal:
"MEC determina fechamento imediato de 4 cursos de Direito. E tem mais na fila ..."
http://www.oab.org.br/noticia.asp?id=18772

JOSE CARLOS RODRIGUES 23 de dezembro de 2009 10:36  

Isto, não seggue a cartilha do MEC, dê oportunidade de consertar, não o fez, recomenda e setor do MEC, que o feche, não somente as Facul mas tbem os advogados incompetentes, tanto com inscrição mais antiga como mediana, e tbem novo, prova que os primeiros não fizerão exame, como os medianos e os novatos que supostamente submeterão ao exame de ordem e passarao, como ??? Nâo sei!!!, a criptografia do CESPE é vulneravel como é o Pentagano, aquele até por erros elementar e ainda publicam.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP