Detalhes da reunião em Belo Horizonte

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Acabei de ficar sabendo que o Colégio de Presidentes das Comissões de Exame de Ordem impediu que o representante dos bacharéis em Direito, José Henrique Azeredo, fizesse a sustentação oral durante a reunião.

O fizeram sob o argumento de que não se podria abrir um precedente, não só nesta reunião como nas futuras. E se o fizessem, todos os bacharéis teriam o mesmo direito. Seria inviável conceder voz a todos.

De toda forma, José Henrique distribuiu farta documentação apurada para este caso a todos os conselheiros presentes em BH.

Aparentemente a reunião será longa.

Escreverei assim que tiver mais notícias.

92 comentários:

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:13  

Já começou a enrolação ...
Brasil, Brasil ...

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:19  

OU seja, DANÇARAM!!!Concordo em gênero, número e grau com a proibição. E tem mais: a mesma argumentação vai ser utilizada para derrubar o pedido de naluação de qualquer coisa, ou seja, vão dizer que se fizerem isso abre-se-á um precedente perigoso e em todo exame vão haver manifestações. Continuo com o mesmo pensamento de sempre no sentido de que o meio correto para reclamarem contra eventual reprovação é o RECURSO e não manifestação ou coisa que o valha. Vocês colocaram o "carro na frente dos bois", está é a verdade.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:20  

A resposta da OAB ao manifesto de anulação da peça trabalhista já começa a ser dada. Estudem pará o exame 2009.3

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:24  

O representante dos bacharéis foi impedido, agora vamos esperar respostas positivas do presidentes das comissões. Essa peça deve ser anulada.

Vinícius Cavalcante,  4 de dezembro de 2009 10:26  

PARA POLIR AO MÁXIMO O VOCABULÁRIO, DIRIA QUE A ATITUDE DO COLÉGIO DE PRESIDENTES É, NO MÍNIMO, EXTREMAMENTE REPROVÁVEL.

DR. MAURÍCIO, NÃO SERIA ISTO CERCEAMENTO DE DEFESA? GOSTARIA DE OUVIR SUA OPINIÃO A RESPEITO.

CORDIALMENTE

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:31  

E as ilusões vão aos poucos se esvaindo.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:32  

Estou torcendo para que o requerimento elaborado pelo Dr. Ricardo Freire Vasconcelos (Penalista)passe! Todos os argumentos são prudentes (principalmente o 2.10).
Vamos torcer para que a OAB seja justa!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:32  

José Cleilson.
UÉ! O Dr. Cesár Brito não falou que o José Henrique poderia fazer a sustentação.
Se não abriu para a sustentação que dirá para a anulação.
Estou na torcida!
Nos mantenha informado Maurício.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:32  

Sem sustentação oral? É... o negócio não começou muito bem! 2009.3, pessoal! Eu já comecei a estudar faz tempo! Sucesso a todos!

eduardo,  4 de dezembro de 2009 10:32  

HUMMMM...antes permitiram agor não....é fogo...sinceramente não vão anular a prova!..acho muito dificil.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:35  

e lá em Minas Gerais - Belo Horizonte, tudo acabará em pizza e pão de queijo.

Angelita 4 de dezembro de 2009 10:35  

Calma gente, eu já tinha certeza que isso aconteceria... vcs acham que eles se sentiriam a vontade em reconhecer o erro e comentar sobre as soluções possíveis e menos vergonhosas na frente de um representante dos bacharéis??? Bem capaz mesmo... Tudo bem!!! Estou confiante que teremos JUSTIÇA afinal!!!!

Anderson Taveira,  4 de dezembro de 2009 10:35  

Leio o Blog todos os dias e nunca fiz comentários.
Quero primeiramente agradecer o espaço para debate e informações muito bem coordenados pelo Dr. Maurício.
Fiz esse último exame, e como a maioria optei pelo IJ na prova, depois de muita dúvida.
Não quis como não quero aprovação a qualquer custo, mas acho correto que a justiça seja feita, porque meia dúzia de bossais que se acham os melhores advgados do mundo vem até aqui para cornetar a lutar daqueles que não se contentam em ver arbitrariedades e injustiças.
Como democracia é importante que todos tenham voz, porém existe um liame que separa direito e sensatez.
Aos aprovados e advogados, meus parabéns, afinal de contas vocês são inteligentes demais, mas pelo visto não tem emprego para ficar o dia todo enchendo o saco por aqui!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:35  

o colégio IMPEDIU!!!! e não impediram... o verbo deve concordar com "colégio" e não com "os presidentes"!! Aff!

Gustavo SP,  4 de dezembro de 2009 10:35  

Infelizmente acho que NO MÁXIMO, haverá uma flexibilização na correção das peças.
Quem fez as peças que poderiam ter sido confeccionadas em decorrência da indução pela obscuridade do enunciado terá sua prova corrigida.
O pessoal do fundão que errou grosseriamente pode esquecer. Inclusive acho que esta é a melhor solução, pois teve gente que fez "parecer"(PQP), "RO"(PQP) e NÃO merece passar mesmo.
BOA SORTE AOS LEGÍTIMOS PREJUDICADOS, AOS "CARONAS" sem condição de advogar - estudem.

REBECA,  4 de dezembro de 2009 10:37  

Esta é uma prova evidente que eles jamais iriam permitir um bacharel assistir de camarote uma discurssão que provavelmente sera calorosa em razão da incompetência de quem redigiu o texto da prova de trabalho que tem causado uma grande repecurssão na midia e no meio juridico e academico.
Vamos analisar a luz da sabedoria, eles não vão querer testemunhas que poderiam colocar na midia parte do teor das falas dos presidentes, seria democratico se isto acontecesse e transparente seria as decisões que por eles fossem tomadas, e tirariam a mácula que esta sendo vista por todos nós de que a cespe realmente é uma instuição digna de fazer provas para todos os concursos a nivel nacional. Eu acredito na CESPE e creio que todos os presidentes irão agir com justiça, precisamos acreditar, precisamos ver um novo modelo de ver homens decentes julgando com honestidade, dignidade e decencia a vida de muitos bachareis que estudaram e tiveram noites de sono debruçados sobre livros para fazer esta prova que deixou a desejar e hoje tira noites de sonos de muitos que não foram contemplados com a aprovação e não tiveram suas peças analisadas conforme entendimento interpretativo juridico doutrinario. eu acredito no Brasil, eu acredito na justiça e eu creio que a luita dessa prova esta finalmente chegando ao fim.

Nina 4 de dezembro de 2009 10:41  

Cerceamento de defesa!
Ainda posso acreditar em justiça?

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:43  

Há um horário provável para o resultado?

luzycleyde 4 de dezembro de 2009 10:43  

LEMA DA OAB "AOS AMIGOS A LEI" AOS INIMIGOS OS RIGORES DA LEI.

ESSA OAB SÓ TEM DISCURSO...

DEMOCRACIA E JUSTIÇA DESDE QUE NÃO VENHAM ATRAPLHAR OS PLANOS DA OAB..

ONDE JÁ SE VIU IMPEDIR ALGUÉM DE FALAR...

OAB E MORDAÇA... TUDO A VER..

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:47  

Olha a palhaçada.
Minha esperanças indo para o buraco novamente.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:47  

A OAB diz que é uma instituição democratica. Cerceamento de defesa....."morro e não vejo tudo"

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:48  

infelizmente vai acabar em pizza..

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:51  

A que horas começa a reunião?

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:51  

A desculpa mais esfarrapada... na realidade eles sabem q o JH estava preparado para convencê-los do erro que cometeram "coisa que eles já sabem", mas muitos dos conselheiros ainda poderiam mudar de voto. O JH é forte, e está com a verdade... A justiça tem que ser feita. O conselho tem que honrar essa instituição.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:51  

não consigo acessar o site da oab

Ana Paula 4 de dezembro de 2009 10:56  

Em quem acreditar se não no orgão q representa a própria justiça! A arrogãncia da OAB é tanta que eles acham ser os donos da justiça, mandam e desmandam como bem entendem! Lastimavel ser representada por um orgão assim. E viva a ditadura!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 10:56  

Por onde acompanhamos o desenrolar dessa reunião...JH está lá ou só levou docs e teve que sais?

ciciliotti 4 de dezembro de 2009 10:58  

porque eles tem medo de ouvir o josé henrique?????? 15 minutos mataria???

se for abrir precedente, que abra poxa, vivemos numa democracia!!!! que negocio é esse que nao podemos nem nos defender????

QUE DEMOCRACIA É ESSA?????

ELES TEM MEDO DO QUE?????????

ESSA UNIFICAÇÃO ESTÁ TIRANDO A AUTORIDADE DOS PRESIDENTES!!!! QUEM DÁ ULTIMA PALAVRA???? ANTES CADA PRESIDENTE DECIDIA SOBRE SUA SECCIONAL, AGORA FICA NA MAO DO COLEGIADO?????

TA PERDENDO AUTORIDADE.....

Samir 4 de dezembro de 2009 11:01  

O JH é a nossa voz!
Que absurdo!
Tô vendo que vai chover mandados de segurança e ações de danos morais...
Agora é impossível se preparar a tempo para a próxima prova. :/
Infelizmente o dinheiro é o interesse principal da OAB, órgão este que deveria se preocupar com a justiça.
Vou me preparar para entrar com as ações!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:01  

Cerceamento de defesa? Ô loko, por acaso algum bacharel foi impedido de recorrer? O meio correto para o bacharel se manifestar contra a reprovação é o recurso. Corretíssima a proibição, corretíssima.Respeito a regras e organização tem que exitir em qualquer lugar.Os bachareis desrespeitaram as regras fazendo bagunça querendo "ganhar na marra" e por isso vão levar o troco.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:02  

OAB 1 x 0 Movimento

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:02  

ACHO QUE VÃO CORRIGIR TODAS AS INICIAIS(IJ E RT)!! ANULAÇÃO É DIFÍCIL, MAS TEM, NO MÍNIMO, 5 PRESIDENTES DE COMISSÃO APOIANDO!! EU JÁ CONVERSEI COM O PRES DA COMISSÃO DO MEU ESTADO... ELE DISSE QUE IRIA PEDIR PARA QUE TODAS AS PEÇAS FOSSEM CORRIGIDAS!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:02  

Aposto uma cerveja genérica e dois pés de frango fritos que não vão anular nada; nem prova nem peça nem quesito. Interessados tratar aqui

Rafael 4 de dezembro de 2009 11:05  

Se houver anulação, será um precedente MUITO PERIGOSO!!!!

Todo Exame vários examinados reclamam de questões e que a prova deveria ser anulada (concordo que nesse o problema foi bem maior que nos outros) mas a insegurança jurídica que traria essa eventual anulação seria de deixar a classe bem preocupada com o incerto futuro!!!!


Não sou a favor da anulação, mas vamos esperar!!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:05  

Pra quem tá dizendo que eles haviam permitido a sustentação oral: o JH deixou claro que o Cezar Britto havia concordado com a sustentação, mas que dependeria do voto do conselho. E, apesar de torcer pela anulação da peça, eu concordo com a justificativa dada. Se abrirem pra ele falar hoje, nos próximos exames vários bacháreis se dirigirão às reuniões pedindo para se manifestarem.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:05  

Pessoal calma a fundamentaçao e muito forte,ou seja, o que eles vão alegar? que peças trabalhistas como rt,ij foram corrigidas com notas de ate 4,5 esse erro da cesp e oab nao sustenta no judiciário vamos a justiça

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:06  

Pessoal, a reunião só tem um único objtivo: DISCUTIR AS QUESTÕES PARA QUE OS PRÓXIMOS EXAMES SEJAM APERFEIÇOADOS. Coloquem uma coisa na cabeça de vocês, togos os recursos já foram analisados e as notas finais já foram concedidas (só falta a divulgação), ou seja, não vai ser em 5 dias que vão fazer tudo novamente, o que mostra que na reunião nada vai ser decidido contrário ao espelho da prova, nadica de nada, podem crer.Vão discutir as reivindicações dos bacharéis? Vão, claro que vão, mas apenas visando o aperfeiçoamento dos próximos exames. Caiam na real, deixem as ilusões de lado.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:09  

Sinceramente, o teor de justiça imputado em 5 anos de faculdade pode ser jogado no lixo. Todavia, sou um dos prejudicados pela insânia da CESPE ao imputar um caso hipotético que caberia mais de uma peça, o princípio da fungibilidade pode ser jogado no lixo, todos os princípios de moralidade pode ser jogado no lixo, pois eles fazem o que querer e sequer respeitam os bacharéis. Foda-se CESPE, Foda-se OAB, é revoltante, na primeira fase acertei 78 das 100 questões e fui reprovado na segunda fase pq coloquei Inquérito, foda-se CESPE!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:09  

Vai chover MS!!!

Esperança,  4 de dezembro de 2009 11:10  

Aummmm...Ommmmmm... bons fluidos para todos nós aflitos...
Dr Maurício Muito obrigada !!

Sônia 4 de dezembro de 2009 11:11  

A oab (minúscula mesmo!), está acima do bem e do mal. Viva a ditadura, vamos dar um viva a esta corja...th

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:11  

Não tem problema, vai chover MS!!!
Afinal, o meu já está pronto!
Não venham os cris-cris que se revestem de "doutores" mandar estudar pro próximo exame. A vioalação ao edital está clara e reconhecida pela CESPE ao atribuir e corrigir peças que nem no espelho estavam, e é por esse direito q vou lutar até o fim!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:15  

Caros colegas,

Tenho receio que o foco da reunião seja prova trabalhista e não seja discutido com a devida importância as demais disciplinas.
Eu, por exemplo, fiz a prova de administrativo e tirei 5,2. A peça foi uma apelação e me tiraram décimos por não colocar os honorários, que foram cobrados no espelho de adm e não no espelho de civil, que também foi uma apelação.
Me tiraram 0,6 por não pedir nova sentença, no entanto pedi que fosse reformada descisão.
Estou temeroso quanto ao desfecho da referida reunião quanto as demais disciplinas.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:20  

Aplausos ao Nobre Colega Anderson! Faço minhas as suas palavras.

“Fiz esse último exame, e como a maioria optei pelo IJ na prova, depois de muita dúvida.
Não quis como não quero aprovação a qualquer custo, mas acho correto que a justiça seja feita, porque meia dúzia de bossais que se acham os melhores advgados do mundo vem até aqui para cornetar a lutar daqueles que não se contentam em ver arbitrariedades e injustiças.
Como democracia é importante que todos tenham voz, porém existe um liame que separa direito e sensatez.
Aos aprovados e advogados, meus parabéns, afinal de contas vocês são inteligentes demais, mas pelo visto não tem emprego para ficar o dia todo enchendo o saco por aqui!!!”

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:22  

Gente!!!!!! os recursos já foram analisados, o 'pacotinho " já está pronto. Não houve anulação, não houve amenizagem, não houve nada favorável aos examinandos. Essa reunião vai tratar de outras "paradas" , algum êxito só vai ocorrer nos inúmeros MS pós resultados.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:26  

LAMETÁVEL VINDO JUSTAMENTE DOS QUE SE DIZEM REPRESENTANTES DA CIDADANIA. COVARDES ISSO SIM É O QUE SÃO ! SE NÃO ANULAREM FICA UM PRECENDENTE, O PRECEDENTE DA VERGONHA,FALTA DE PREPARO E INJUSTIÇA até PARA RECONHEÇER UM ERRO NA ELABORAÇÃO DE UMA PROVA !!!

mas ainda assim quero ser advogado e já sei mais, sei os quais não devo me espelhar para o exercício da profissão.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:26  

É inacreditável o que está acontecendo. O CESPE é uma instituição de renome, mas nos últimos anos passou um descrédito muito grande, em relação a elaboração das provas oab, este último foi pior de todos. Como os bacharéis podem dar uma resposta certa se a questão estava errada? Está previsto no edital que neste caso, a questão será anulada.A OAB e CEspe, não tem outra saída senão a anulação. Hodiernamente vivemos em um País de insegurança jurídica, em quem acreditar? Se o CESPe elabora um prova com questões errada,com interpretação dúbia, é problema da instituição elaborou a prova, e, não dos bacharéis. Se não tomar uma providência futuramente o cespe vai elaborar uma prova com perguntas errada as e vai ficar por isso mesmo. Isso gera uma insegurança não acredito mais no cespe, sugiro a OAB que procure outra instituição para elaboração do exame de ordem. Na prova objetiva tinha várias questões passíveis de anulação, e não foram anuladas. O cespe e oab não são donos da verdade, se a peça tem erros tem que ser anulada. Ou vai chover de mandado de segurança.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:28  

Na correção de prova da LFG os professores se referiram à questão como 'sacanagem!'. Que prova é essa!(prova do trabalho)

Thiago Fleury,  4 de dezembro de 2009 11:31  

Por que estes comentários, quanto mais arrogantes e petulantes, sempre vêm de ´´anônimos``?
Deixem de serem biltres, e lembrem-se que a Constituição Federal garante a livre manifestação de pensamento, mas veda o anonimato... O anonimato é o REFÚGIO dos COVARDES.

Giorgia 4 de dezembro de 2009 11:37  

Com ou sem sustentação do JH eles já estão cientes do tamanho do problema que terão que resolver hoje.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:42  

Penso que definitivamente desistir não é a melhor saida. Mas, ter que se submeter a certas circunstancias, como essa acometida por estas instituições(CESP/OAB), é complicado. Lamento que a OAB, com esta pratica adotada para manter uma RESERVA DE MERCADO, esteja adquirindo a antipatia dos seus futuros membros.
Um abraço e boa sorte a todos..

Vanessa,  4 de dezembro de 2009 11:47  

Como diz a famosa frase "sem advogado não se faz justiça", portanto, estamos procurando a justiça, com relaçao à esses anônimos q nem coragem tem para se identificar, acho q não serão bons advogados, pois se não procura justiça e ainda fica satiranzando algo sério, através de um blog, postando como anônimo fica se achando o "bom", no mundo felizmente não é desta forma que mostra quem é competente e bom profissionalmente, não se mede inteligencia atraves de comentários como estes que venho tristemente vendo, se Carrion manifestou parecer a favor da anulaçao, não é comentários de anônimos q vão me abalar, temos pessoas competentes o bastante a nosso favor para me preocupar com o egoismo a parte de outras pessoas.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:54  

Até parece que os presidentes das comissões dariam ouvidos a um sujeiro que sequer foi aprovado no Exame de Ordem. E pior: ERROU A PEÇA!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 11:56  

Estamos vivendo num País chamdo BRASIL!!!!!! Onde até quem deveria cuidar da defesa dos interesses sociais e legalistas esbarram e lambuzam-se com o gosto do poder...
Que pena...

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:10  

Thiago Fleury (11:310, você está no anonimato tal qual estão todos os demaiss. Quem quer se identificar o faz citando nome completo, endereço completo e CPF.Pára de ser babaca.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:12  

Se a OAB anular essa prova....o que será das proximas. O exame perderá de vez a credibilidade.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:12  

Estão falando em anulção da peça de trabalho, em anulação de quesitos, mas a questão número 01 de Direito Civil (que não tem nada de Civil, mas sim de administativo e constituciona)será que pode ser anulada ou será que pelo menos alguém vai pedir a anulação?

Gosataria de uma resposta do Professor Mauricio

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:14  

impediram o JH de falar, é a DITADURA feita pela OAB, justamente a entidade que deveria lutar pela DEMOCRACIA, infelizmente é lamentável

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:15  

Se hover mesmo anulação, melhor seria não haver mais exame.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:16  

Farei aniversário dia 26/12 do mês em curso, hoje dia 04/12 o meus Deus antecipa o meu presente!!!!!Ele vive e sempre viverá. Obrigado meu Deus.

Gastão,  4 de dezembro de 2009 12:27  

Estudar, galera!!! Provas dia 17.01 e 28.02!!!!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:27  

01/12/2009 CE - Comissão de Educação Ação: Anexada às fls. 29 a 40, correspondência eletrônica recebida nesta Comissão na data de hoje, da Senhora Maria Ivani de Araújo Sousa, com considerações contrárias ao presente projeto.

Fonte: Secretaria-Geral da Mesa
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF Referente PLS 186/06

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:31  

Albert Einstein dizia que: “O mundo não é ruim por causa das pessoas que fazem o mal, mas por causa daquelas que veem e deixam o mal ser feito.”

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:31  

Essa proibição já decreta o que vai acontecer: N A D A .

Thiago Souza,  4 de dezembro de 2009 12:50  

Cada vez que eu leio os comentários aqui, eu acho que a atitude mais sensata a ser tomada é a não anulação de nada, muito menos amenizar a correção da prova.

POw, tem neguim aqui que não sabe nem ler uma notícia. Quando falaram em abrir precedentes, eles explicaram que se eles deixarem 1 falar, eles serão obrigados a deixar qualquer um que quiser, falar.. Claro que isso é inviável. E outra, vcs reclamam que a oab não obedece normas, mas os maiores desrespeitadores são vcs mesmos, pois querem mudar a forma do certame na marra. Essa prova sempre foi assim, e não será agora que será mudada. Pode ser que essa rebelião tenha efeito no futuro, mas nessa prova pode esquecer.

Outra coisa, se alguem ta achando que a oab ta preocupada com o número de processos contra ela, podem tirar o cavalinho da chuva. 1º pq o que não falta pra instituição é advogado e depois basta fazer uma fundamentação e dar control c e control v e espalhar por todos os cantos do brasil. pronto, ja ta defendido.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:51  

Nada mais justo do que barrar esse cara, realmente abriria precedentes e tudo ia virar uma zona!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:52  

Pode não dar em nada mas isto mostra que não somos bobos e lutamos por nossos direitos até o fim.

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 12:55  

Unidos do Sul, será que estará em pauta na reunião dos intocáveis presidentes das seccionais, a liberação do gabarito antes da prova onde uma bacharel confirmou neste blog a situação ilicita ocorrida e no mínimo, dada sua ilibada conduta, darão uma satisfação aqueles que com serieddade pagaram sua incrição e participaram licitamente no Exame confiando na honestidade e seriedade do Cespe........No mínimo uma resposta.... outro questionamento sobre os que iniciam esta postagem conspirando contra nosso movimento, estão a serviço de quem?

Benedita 4 de dezembro de 2009 12:58  

Porque não foi divulgado o horário da reunião? Haja saúde para suportar tamanha dúvida... A anulação é sim o correspondente para amenizar a situação, uma vez que esta é medida justa pelo erro do enuciado e outra forma seria apenas e somente desprezar a inteligência dos examinandos. Portanto, que assumam o erro grosseiro e vergonhoso que cometeram!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 13:16  

A espera de um milagre...

Omar Roberto de Aguiar Filho. 4 de dezembro de 2009 13:18  

Caro Maurício,
Como gestor do Blog você deveria controlar os comentários inadequados, e que, em nada acrescentam nessa discussão.
Seja mais cauteloso, neste momento disseminar a discórdia é o que menos precisam àqueles que lutam em busca da justiça.
Assim, filtre os comentários daqueles que estão ofendendo sem razão os demais.
Os que passaram parabéns. Os que estão angustiados e ansiosos se acalmem, o exame de ordem acontece 3 vezes ao ano e não é classificatório, tem caráter eliminatório.
Ninguém poderá impedir o estudante que tem vontade e é capacitado de lograr êxito, para muito esse exame é só o começo do caminho, para outros é fundamental, pois advogar é o grande sonho de alguns.
As almas más que perdem tempo agredindo os demais deixo aqui o meu pesar.
Aos esperançosos desejo que tenham mais fé, principalmente em vocês próprios, pois se nada acontecer agora, o mundo continua girando e você conseguirá mais adiante, pois esse mérito será somente seu e ninguém tirará.
Estudem ou comemorem, seja hoje, dia 9, mas nunca desanimem, seja nesse ou no próximo exame você passará, tome esse exame como uma experiência inesquecível, deixem os anônimos continuarem no anonimato, ignorem-nos, não respondam as ignorâncias descabidas.
No mais, rezo a Deus que a CESPE e a OAB não cometam mais tantos erros grotescos de uma só vez, pois errar é humano, mas tantos erros ocorridos ao mesmo tempo torna-se desumano para com aqueles que estão sendo prejudicados!
Abraço Sr. Maurício, mantenha seu blog interessante!

Anônimo,  4 de dezembro de 2009 13:18  

Aos colegas!
Como se sabe a grande imprensa nos abandonou. Só uma emissora de FM de Belo Horizonte está fazendo a cobertura.
Liguei nessa emissora e fui muito gentilmente atendido por Nathalia que se predispos a ajudar.
Minha parte eu fiz, agora façam a de voces se muita gente ligar do Brasil inteiro, vão ver que a coisa é séria.

ligue agora Tel: (31) 2105.3588

Nilsonbf 4 de dezembro de 2009 13:32  

Será que estão decidindo o que será servido na confraternização de fim de ano(pernil ou peru,ou pizza)?Ou estão fazendo o sorteio do amigo secreto? Quem dá mais?

Benedita 4 de dezembro de 2009 14:02  

Com razão postou o Sr. Omar Roberto, pois a hora é de união para se defendermos com justiça a nossa causa. Portanto, pensar positivo e torcer com garra e perseverança para que tudo se ressolva favorável ao nosso pleito. Que a justiça seja feita nesa data e que Deus esteja presente nesta reunão e toque o coração de seus membros para que possam imprimir o bom senso nas suas decisões. Que venham boas noticias!!!!!!!!!!!!!

GatoCapixaba 4 de dezembro de 2009 14:08  

Caro Maurício,
Como gestor do Blog você deveria controlar os comentários inadequados, e que, em nada acrescentam nessa discussão.
Seja mais cauteloso, neste momento disseminar a discórdia é o que menos precisam àqueles que lutam em busca da justiça.
Assim, filtre os comentários daqueles que estão ofendendo sem razão os demais.
Os que passaram parabéns. Os que estão angustiados e ansiosos se acalmem, o exame de ordem acontece 3 vezes ao ano e não é classificatório, tem caráter eliminatório.
Ninguém poderá impedir o estudante que tem vontade e é capacitado de lograr êxito, para muito esse exame é só o começo do caminho, para outros é fundamental, pois advogar é o grande sonho de alguns.
As almas más que perdem tempo agredindo os demais deixo aqui o meu pesar.
Aos esperançosos desejo que tenham mais fé, principalmente em vocês próprios, pois se nada acontecer agora, o mundo continua girando e você conseguirá mais adiante, pois esse mérito será somente seu e ninguém tirará.
Estudem ou comemorem, seja hoje, dia 9, mas nunca desanimem, seja nesse ou no próximo exame você passará, tome esse exame como uma experiência inesquecível, deixem os anônimos continuarem no anonimato, ignorem-nos, não respondam as ignorâncias descabidas.
No mais, rezo a Deus que a CESPE e a OAB não cometam mais tantos erros grotescos de uma só vez, pois errar é humano, mas tantos erros ocorridos ao mesmo tempo torna-se desumano para com aqueles que estão sendo prejudicados!
Abraço Sr. Maurício, mantenha seu blog interessante!
[2]

Felipe 4 de dezembro de 2009 15:24  

Estudem colegas, estudem!
Não fiquem esperando a anulação de uma prova. Continuem a estudar. Não desanimem!

Io5 4 de dezembro de 2009 15:39  

Bom dia!
Omar parabéns pela sua colocação, também concordo que se deveria filtrar os comentários, principalmente os pessimistas, acho que deveria ser obrigatório a identificação dos usuários, acabar com esses anônimos. A esses palhaços que são contra o manifesto que vão acessar site pornografico em vez de ficar enchendo o saco de quem esta buscando justiça e ver o seu direito respeitado.
Abraços

Julie 4 de dezembro de 2009 15:43  

Eu só quero que corrijam minha prova e aceitem meu recurso... Torço somente para que os injustiçados tenham a justiça que merecem.

Moyses 4 de dezembro de 2009 15:53  

moysés

a oab como um dos orgão mais sérios do nosso brasil,tem que dar a resposta que o gabarito exige, ou seja, anulação da prova, aja visto que o gabarito é bem claro, peça errada nota zero e não interpretação dúbia. A questão foi mal elaborado e nos bachareis em direito não temos nada haver com isso, de o exemplo a credibilidade que sempres tivemos com vocês a façam a coisa certa, pois se não vou acreditar que a oab é que nem políticos só viza lucro e poder

bethcn851 4 de dezembro de 2009 15:57  

Caros colegas, falei com a rádio Itatiaia – BH neste momento para saber notícias da reunião que a OAB faz naquela cidade e digo-lhes colegas, a mídia só está preocupada com qual chave que o Brasil vai jogar na COPA DO MUNDO. Educação neste país não é prioridade, não vende jornal, não paga a mídia. Após 05 tentativas consegui falar somente com o nº 031-2105-3566. E a Claudia me disse que não tem nenhuma notícia no momento e que o resultado sairá somente às 20h00. A rádio FM ITATIAIA segundo a redação- Claudia – só entra de vez em quando na reunião. Vou acionar a EBC em Brasília, depois falo com vocês.
Farei outro contato com a Rede Minas tel. 031-3269-9058, Redação de jornalismo 031-3269-9079

Alessandra 4 de dezembro de 2009 15:57  

Eu concordo que vcs deveriam estudar, afinal se não passaram em uma prova com consulta, imagina agora que não pode mais utilizar doutrinas... Estes cursinhos estão acostumados apenas a ensinar inicial, contestação, RR e Ro e, na vida prática vai muito além disso.
Eu não advogo na área trabalhista, por isso não sei se realmente deveriam anular a prova, mas entendo se teve algum erro na elaboração da peça pratica, eles deveriam considerar as outras peças, mas não anular

christian 4 de dezembro de 2009 16:12  

Não sei por quê tamanho alvoroço por conta dessa anulação. Já há muito se sabia ou se tinha uma quase certeza de que essa peça não seria anulada e pensar em apenas lutar ao invés de começar a ser preparar para o próximo exame é, no mínimo, ingenuidade dos que não passaram.
A OAB não ia se curvar e admitir pessoas que "empacaram" na peça pudessem ser aprovados e por isso mesmo nem cogitou seriamente a possibilidade de anulação.
Infelizmente, os que deixaram de se preparar para a próxima prova (2009.3) na esperança de conseguir alguma coisa com esse movimento foram um tanto quanto ingênuos e, certamente, só terão condições de passar no 2010.1. Não estou dizendo que não há força no movimento, apenas que um pouco de prudência em se preparar para o 2009.3 por parte dos examinandos reprovados poderia, sim, fazer a diferença!!!!!

4 de dezembro de 2009 16:15  

Dr. Maurício,

Parabéns pela iniciativa de divulgar todos os passos da reunião.

Eu passei neste exame, em Dir. Trabalho. Porém, é lastimável ver esta briga toda (aprovados x reprovados). Muitas postagens são levianas o que deveria ser excluídas. O blog é para trocar idéias e não uma campo de guerra.

A OAB terá que dar uma resposta plausível sim, contudo, não sei se a decisão será pela anulação da PEÇA, vamos aguardar.

Boa sorte aos que não lograram êxito, e caso não seja desta vez, não desanimem, continuem lutando, vcs são capazes, não tenho dúvidas, mas o histórico do exame é esse: INJUSTO, muita gente boa já foi prejudicada.

Jânio 4 de dezembro de 2009 16:55  

SAIU NOS BASTIDORES DE BH.

A PEÇA NÃO SERÁ ANULADA.

SERÃO CORRIGIDAS TODAS AS PEÇAS.

Neto 4 de dezembro de 2009 17:02  

Alguns colegas comentaram no blog que a peça "IJ" foi corrigida. Favor entrar em contato com o email paes.z@brturbo.com.br

Marli 4 de dezembro de 2009 17:15  

Creio que nenhum dos "comentários maldosos" foram feitos por bacharéis ou advogados. Educação vem de berço, a escola e a Universidade, de certa forma, complementam. Fico triste e envergonhada como professora e mãe. Parabéns aos que passaram no Exame e fico torcendo por todos aqueles que estão bravamente na luta. Com certeza a JUSTIÇA será feita e a questão será anulada.
Meu carinho e respeito pelo tratalho do Dr. Maurício. Marli Markus Ceregatti.

Vinícius Gerhardt 4 de dezembro de 2009 17:22  

Não existe uma resposta certa para uma pergunta erra.

Vinícius Gerhardt 4 de dezembro de 2009 17:24  

Esses debates entre aprovados e os "prejudicados" é lastimavel. Parece que essa prova é classificatória... que só os X primeiros terão a carteira....

Elizabeth 4 de dezembro de 2009 17:37  

Colegas, outros colegas que de alguma forma lutam por um exame justo,
Penso que todos que estamos protestando neste ou em outros blogs, continuamos estudando para o próximo exame. Não tem alvoroço nenhum, só não queríamos tanto mistério para algo tão simples.
Conversei agora mesmo com uma amiga jornalista da redeminas de BH e ela me disse" porque a OAB gasta tanto dinheiro para realizar uma reunião em outro Estado, com todos os representantes das Seccionais" continua ela " bom para Minas arrecadaremos mais".
Colegas, não sou contra um exame para verificar nosso aprendizado, porém dubiedade nas respostas, não. Colega, o Direito é uma ciências Humanas, lida com a dignidade da pessoa humana, não é uma ciências exatas, portanto o direito é estabelecido em nossa Carta Maior para ser cumprido e não banalizado.

Benedita 4 de dezembro de 2009 18:42  

Considerando que amanhã é sábado e que normalmente a OAB não posta nada em finais de semana, logo, deveria ser divulgado o resultado da reunião hoje, uma vez que a desisão já está tomada. Ademais, acalmaria os nossos corações aflitos e angustiados! Muita sorte a todos os injustiçados.

Blog Exame CPA10 Anbid 4 de dezembro de 2009 20:46  

Prezado Dr. Maurício,
Como seu blog tem sido utilizado/consultado pela OAB/CESPE para corrigir as aberrações decorrentes de publicações estapafúrdias, creio que estão aguardando a leitura das postagens acerca do resultado da reunião para saber quais instrumentos ou meios os bacharéis estão dispostos a utilizar para enfrentar as incontroversas obscuridades da peça processual trabalhista. Parabéns pelo democrático espaço. Sds, Marcílio - Fortaleza-CE.

José 5 de dezembro de 2009 16:02  

Olá Dr. Maurício, diante de todo exposto a questão da honestidade da isonomia e da não reserva de mercado conforme a OAB reinteradamente fala em todos os meios de comunicação, seria da mais pura e lídima justiça a mesma reconhecer o descontrole administrativo da CESP, e no mesmo sentido resolver a questão em tela, porque caso isto não ocorra fica caracterizado a busca insessante de recursos para suprir outras áreas desconhecidas, seria da mais pura ombridade dar provimento a todos aqueles que fizeram corretamente sua peça, e se atentar aos quesitos ali a serem pontuados conforme espelho da avaliação prova prático-profissional de todos os quesitos ali acordados, ou seja, item 1 ao 3 a única coisa que deixei de mencionar em minha peça vestibular foi o item 2.3 precisamente com base no abandono do art. 482 i da CLT porém fundamentei no 474 da mesma consolidação, e súmula 32 do TST, e item 2.4 em relação as parcelas rescisórias art. 477§8, ademais foram citados conforme itens do espelho da avaliação, e absurdamente, erroneamente com intuito de prejudicar ora o examinando minha nota final, data máxima venia 1.20, dá realmente para ser considerada como nota definitiva mesmo??? Deixo meu protesto, caso outras pessoas que se sintam prejudicadas como eu só nos resta a partir de 09/12, partir para o judiciário, quem realmente entende do assunto. Um forte abraço a todos, sucesso, e com certeza boa sorte... José.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP