Reunião OAB/MG - Rumores sobre o resultado

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

A informação que vou passar agora NÃO FOI CONFIRMADA. Tratam-se dos rumores que estão circulando em Belo Horizonte e ainda são passíveis de confirmação:

A prova NÃO FOI ANULADA.

O conselho decidiu pela AMPLIAÇÃO dos critérios de correção.

Não foi possível determinar a extensão dessa ampliação, ou mesmo se a informação em si procede. Mas, aparentemente, foi isso mesmo o que ocorreu.

Se assim foi, o movimento pode se considerar vitorioso, mesmo que seu objetivo inicial não tenha sido atingido.

Assim que a informação for confirmada (ou não) eu a anunciarei aqui no Blog.

38 comentários:

Vinícius Gerhardt 4 de dezembro de 2009 18:12  

amigo..
atenção com que voce colocou....
o movimento nao pedia a ANULAÇAO DA PROVA e sim DA PEÇA
vc deveria corrigir o texto para:
A PEÇA NAO FOI ANULADA.

Reporter 4 de dezembro de 2009 18:15  

"O conselho decidiu pela AMPLIAÇÃO dos critérios de correção."
Sim, mas, como farão isso? vão recorrigir todas as provas? pq se isso foi decidido hj, provavelmente n estava sendo aplicado.
Sei n...

Michelle 4 de dezembro de 2009 18:17  

E quanto a prova de Dto Tributário? Algum avanço nas correções?

Leonardo 4 de dezembro de 2009 18:17  

Se confirmar, FERIRAM DE MORTE O EDITAL!!! A anulação é medida de direito!!!

AC 4 de dezembro de 2009 18:19  

Se for correta a informação, a OAB "tenta" consertar um erro com outro?

Ora, se o edital "dá" a fórmula para a correção do erro, aplica-se a previsão do edital: Anula-se a questão.

Porém, teremos mais uma inovação: Além de erro na elaboração da questão, do erro na correção, do erro no cerceamento nos recursos... teremos a desconsideração do edital.

Vivendo e aprendendo...

Alex Lopes 4 de dezembro de 2009 18:21  

Sim , e a prova de Direito tributario, obedecerão ao princípio da isonomia ou não?

Heleno 4 de dezembro de 2009 18:29  

Realmente, se essa decisão for verdade, o edital foi espancado...

bruno 4 de dezembro de 2009 18:30  

CARO COLEGA AC, CONCORDO COM VC EM GÊNERO, NÚMERO E GRAU, MAS DA OAB SE PODE ESPERAR TUDO.

Andrea 4 de dezembro de 2009 18:31  

Essa ampliacao sera baseada em qual criterio? Um pouco subjetiva essa questao. Qual sera o criterio de correcao agora?

rejane 4 de dezembro de 2009 18:45  

Quanto a prova de Penal Dr. Marício alguma notícia??

GJO 4 de dezembro de 2009 18:54  

Sendo assim com a ampliação dos critérios de correção,como é que fica o EDITAL!! e quem já teve a peça corrigida vão corrigir novamente seguindo um novo espelho?e aqueles que mesmo assim não passarem o que devem fazer???pois quem fez acp e não passou está de fora????

João Só 4 de dezembro de 2009 18:54  

ACABOU O MISTÉRIO!!!
PEÇA ANULADA...
V I T Ó R I A A A A A A A A A A

João Só 4 de dezembro de 2009 18:58  

FALA SÉRIO, AMPLIAÇÃO DOS CRITÉRIOS DE CORREÇÃO, NÃO ESTÁ INSERIDO NO EDITAL DE ABERTURA DO CERTAME, DESSA FORMA FERE DE MORTE O EDITAL, A SOLUÇÃO É MANDADO DE SEGURANÇA (MS)...FALA SÉRIO!!!!

Carlos Henrique 4 de dezembro de 2009 19:29  

BEM QUE OS AMIGOS DE BRASILIA QUE ESTÃO FAZENDO O MOVIMENTO FORA ARRUDA, PODERIA PELOMENOS ESCREVER UMA FAIXA FORA OAB/CESPE, SERÁ QUE NESTE MOVIMENTO NÃO TEM NENHUM BACHARÉL, ALGUÉM NOS AJUDE PELO AMOR DE DEUS!

Raquel 4 de dezembro de 2009 20:45  

FiZERAM A REUNIAO PARA VER O CONTEUDO DA PROXIMA PROVA.IMAGINA QUE SERIA PERDIDO TEMPO,DISCTINDO-SE SOBRE ALGO QUE DLIBERADAMENTE JA ESTA MAIS DO QUE CORRIGIDO!!!
EU,PREFIRO ENTENDER QUE TEREMOS UMA DECISAO FAVORAVEL E OS RECURSOS SERAO ACEITOS!!!!

Luciano 4 de dezembro de 2009 20:54  

Se for ampliado o critério, terão que corrigir as provas, e terão que dar prazo para novos recursos, na minha ignorancia acho isso tudo perda de tempo, o correto seria anular e só.

~Gu~ 4 de dezembro de 2009 21:20  

Bachareis deste querido "pindorama" esqueceram que estamos no BRASIL e tudo sempre acaba em pizza? É impressionante como eles se desdobraram e conseguiram inventar uma saída política, pela tangente, para não admitir o erro. Por estas e outras que a OAB e Cespe estão caindo em desprestígio.

~Gu~ 4 de dezembro de 2009 21:30  

Dr. Maurício, esta decisão será erga omnes? Porque devido ao espaço ridículo dedicado aos recursos, não ofereci recurso a alguns quesitos da peça prática. Eles corrigirão todas as provas???

AMIGO DE DEUS 4 de dezembro de 2009 21:39  

Parabéns, Dr. Mauricio, por ter proibido a participação (quase sempre) infeliz dos anônimos. Creio que agora, as discussões terão um nível melhor, pelo menos eu espero.

No tocante a prova, eu to curioso pra saber como eles vão fazer pra flexibilizar a correção (se é que isso vai acontecer mesmo), já que existe uma planilha.

marcelo 4 de dezembro de 2009 22:26  

Boa colocação as palavras do Sr. AC.
Corrigir o erro com outro...rs
é chover no molhado...
O que é uma vaidade...., não aceitar o próprio erro e ainda penalizar as pessoas de exercer sua profissão depois de anos de estudos...
Como pode?
A OAB/CESPE acham que podem brincar com a vida dos outros,ABSURDO!!!
Fazem uma norma (edital)e passam por cima da mesma. Será que esses senhores tem o dicernimento do valor de um edital?
O edital tem força de Contrato, e o mesmo faz lei entre as partes, se não podem cumpri-lo, porque criam regras...
Boa noite a todos...
QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA!!!!!

Thiago Fleury 4 de dezembro de 2009 22:35  

Faço minhas as palavras do ´´AMIGO DE DEUS`` e parabenizo o Dr.Maurício pela correta proibição da participação dos anônimos.
É incrível como algumas pessoas usam o anonimato para demonstrarem o pior do ser humano.
Um abraço, obrigado pelo apoio e por esse Blog tão útil.

DIGNIDADE 4 de dezembro de 2009 23:22  

QUE VERGONHA OAB - VOCÊ TINHA QUE SER MAIS OBJETIVA, QUANTA ANGUSTIA POR UMA DECISÃO SIMPLES, APPLIQUE O EDITAL E SÓ...
O VELHO GEITINHO BRASILEIRO...
PRECISAMOS FAZER UM CPI NA OAB as claras e ver realmente o que acontece...Cadê os corações desses homens...
Eles saíram pela tangente, não vamos ser bobo, temos que acionar o judiciário urgente, vai ser a única Salvação desta prova desastrosa e irresponsável...

NÃO ACEITAREMOS...

JUSTIÇA...

Jack 4 de dezembro de 2009 23:42  

Se flexibilizar essa correção, no próximo exame também terá que flexibilixar não é?
Também haverá outros protestos...
Outros JHssss, outras comunidades no orkut revoltados...
Ou sejá, é isso que a OAB nào quer permitir, um PRECEDENTE!

joclemy 4 de dezembro de 2009 23:43  

Na possibilidade de consideração do "IJ" novos parâmetros de correção deverão ser estabelecidos e consequentemente novos prazos para recursos. A pergunta é: Haverá tempo hábil para isso?
E por que só amanhã a divulgação do resultado da tão esperada reunião?
Com certeza têm surpresas não agradáveis nessa divulgação.

DIGNIDADE 4 de dezembro de 2009 23:46  

Dr. Mauricio...

não acho que o movimento saiu vitorioso...como diz no interior a OAB consinhou o galo...Nosso objetivo é a ANULAÇÃO DA PEÇA...é Simples que a OAB aplique o edital e só...esse objetivo poderá ser atingido pelo Judiciário (nossa única salvação) não esperavamos outra coisa da OAB...são fantasmas, veio pra assustar e meter medo...

Espero que o jose Henrique não recue um milimetro...

Parabéns pelo espaço...

Vamos até o fim...e sei que não chegou ainda...

leohagar 5 de dezembro de 2009 00:37  

Espero que eles tenham tomado uma decisão sensata. Fiz a prova de tributário e o certo seria anular a peça!

ciciliotti 5 de dezembro de 2009 01:27  

GENTE IMAGINA O DESGASTE DE CORRIGIR ESSAS PROVAS DE NOVO????

PELO AMOR DE DEUS, VAMOS ACABAR COM ESSE FILME DE TERROR!!!

ANULA ISSO LOGO....

anulando a peça a OAB vai poupar dinheiro, desgaste fisico dos examinadores, desgaste processual porque todo mundo vai entrar com o MS.....


a melhor solução é anulando isso...e fim de papo....

SE ISSO NAO FOR ANULADO, O BICHO VAI PEGAR FEIO....melhor resolver isso num acordo pacífico, demonstrar que nao precisamos fazer nenhuma baderna pra resolver essas coisas....

porque senão, vai abrir precedentes para os bacharéis, irem as ruas e botar pra ferver....eu acho isso tão desncessário....

Dani 5 de dezembro de 2009 01:27  

Olá!! Quero saber o seguinte...
No quesito "nome da peça" quem fez ACP ou RT c/c ACP recebeu a pontuação máxima, ou seja, 1 ponto..
Quem fez RT pura, como é o meu caso, II, ou qq outra peça que tenha sido corrigida, receberá tb pontuação total nesse quesito??

Grande dúvida!!

Evandro 5 de dezembro de 2009 08:50  

Sinceramente que decepção!!! deveriamos fazer um novo manifesto em protesto contra a tendenciosa elaboração de provas tendencios, porcamente elaboradas pela CESP... No mínimo uma prova que relmente seja transparente e clara.

ELPREDADOR 5 de dezembro de 2009 11:00  

Após a publicação da decisão tomada pelos poderosos, Dr. Maurício, com a palavra, confiamos piamente no que ele poderá nos direcionar e caminhos que poderemos seguir.

Laura 5 de dezembro de 2009 11:06  

E então, Dr. Maurício, nenhuma novidade sobre quando serão divulgados os resultados da reunião????

lucy 5 de dezembro de 2009 11:45  

Pq pode se conseiderar vitorioso?
Não queremos esmolas, queros JUSTIÇA, que nesse caso é a ANULAÇÃO DA PEÇA!

Pedro Henrique 5 de dezembro de 2009 12:23  

Indignacao total!!! Pois é minha prova nao foi corrigida... tirei 3,20 na prova... eles sequer leram minha prova!!! só a titulo de exemplo, no item " notificacao do reclamado" valia 0,50... eu abri um topico " Da Notificacao" citando ate a sumula 74... e eles me deram 0 nesse item... Fala serio... Como se nao bastasse, eles querem passar por cima do EDITAL.. pois no proprio edital menciona que as questoes com erro deverao ser anuladas!!!!!!!!!! É UM ABSURDOOO eles estao falando em FLEXIBILIZACAO na correcao uhaouahouahuoa fala seriooo isso ai é para tampar o sol com a peneiraa... ninguem é burro... eles irao corrigir uma ou outra prova, passara um ou outro candidato.. só para abafar o caso, os q nao passarem q se contentem e para os que nao se contentarem q entrem com MS!!!.. Gente .. eles nao deixaram nem o JH fazer a sutentação oralll pq sera heim??? fala serio... q Justiça é essa? Dessa historia de nao ler a prova do examinando eu já sabia... agora passar por cima do edital nao anulando a peça? o que é isso? Unica resposta q vem a minha cabeca é " isso é o Brasil" ... pois é minha gente... qdo penso q morrerei vendo tudo... acabo chegando a conclusao q estou enganado!!!

Clediane 5 de dezembro de 2009 14:45  

Alguém conseguiu alguma informação dessa "bendita" reunião???

Paulo Macedo 6 de dezembro de 2009 10:15  

A prova da primeira fase foi muito difícil a segunda fese, esses erros no critério de correção, na verdade passar na OAB virou loteria.

Roberta Santos 7 de dezembro de 2009 22:20  

Gente, por favor alguem sabe do resultado da reunião??????????

marcelo nuncio 9 de dezembro de 2009 21:30  

Estou solidario a todas as manifestações e quero participar de alguma forma desta nova fase que temos em mãos, de poder passar a limpo, não somente Brasilia, mas, o Brasil como um todo.
A corrupção nos causa muitos danos e somente protestando e manifestando nossa opinião, é que poderemos criar algum constragimento nos politicos que acreditam que não vai dar em nada ou via acabar em pizza, como aconteceu nos outros casos recentes desta bandalheira. Os estudantes estão certos e precisam de apoio de todos que não aguentam mais tanta corrupção.
Todos pela democracia e pelo direito de livre manifestação, nem que para isto algumas pessoas fiquem privadas de chegar a seu destino, mas é por uma nobre causa, o fim dos corruptos que nos sugam e roubam nossas esperanças em dias melhores.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP