A repercussão do manifesto na mídia

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Ainda é cedo para ter uma visão precisa da repercussão do manifesto na mídia. Provavelmente aparecerá mais reportagens ou mesmo vídeo de telejornais no youtube. Assim que eu for recebendo os dados postarei aqui no Blog.

Por enquanto, seguem três links de sites que tratam da matéria:



21 comentários:

Anônimo,  5 de novembro de 2009 20:08  

Se em na porta de cada seccional tivesse esses 1.400 manifestantes e a Rede Globo e outra emissora (dentre as grandes) divulgassem, talvez até essa gente tivesse alguma chance, mas essa manifestaçãosinha mixuruca serve só para os presidentes da OAB se divertirem.E alguns dos cabeças ainda correm o risco de nunmca serem aprovados nop exame de ordem. Como? Não me perguntem.

Thiago 5 de novembro de 2009 20:11  

Mais uma:

http://www.paraiba1.com.br/Noticia/31733_CANDIDATOS+PARAIBANOS+PARTICIPAM+DE+PROTESTO+NACIONAL+CONTRA+PROVA+DA+OAB.html

Anônimo,  5 de novembro de 2009 20:19  

"....A manifestação, que em João Pessoa reuniu cerca de 20 candidatos, de acordo com Giuliane, acontece em todo País".
Fonte: portal correio.
Muito fraca a manifestação, como se constata na matéria acima.
Podem esperar pelo pior.

Anônimo,  5 de novembro de 2009 21:15  

a OAB vai ter que se manifestar, tamanha a repercursão

Anônimo,  5 de novembro de 2009 21:51  

Dr. Mauricio,

Muito se tem ventilado da possibilidade de anulacao da peça pratico profissional, principalmente nos ultimos dias. Possibilidade bem remota, no contexto do historico dos exames de ordem ja realizados. Mas, caso esta hipotese venha a ocorrer de fato, qual seria o procedimento do CESPE/OAB: concederiam a todos os examinandos os 5 pontos relativos a peca? ou seria cancelado o certame?

Anônimo,  5 de novembro de 2009 22:08  

Gostaria de entender o porque de só a prova trabalhista ? Direito Tributário tbm estava mal elaborado no meu ponto de vista !

Tathiana 5 de novembro de 2009 22:38  

Maurício, cabe informar que o segundo manifesto também foi entregue junto com o manifesto no Inquérito.

Roberta. S.,  5 de novembro de 2009 23:32  

Gente, para o manifesto ter maior repercussao, espalhem e-mail, liguem para os jornais de sua cidade, radio, direitorio academico, sites juridicos...

Anônimo,  5 de novembro de 2009 23:51  

Concordo! A prova de direito tributário está mal elaborada também!! Vamos nos unir para reivindicar nossos direitos e não sermos prejudicados por provas que não medem conhecimento e sim sorte do candidato adivinhar o que eles querem!

valeria 5 de novembro de 2009 23:59  

PESSOAL, TBE´, FIZ O ÚLTIMO EXAME, ACHO QUE VCS. ESTÃO CERTÍSSIMOS EM SE MOVIMENTAREM, AFINAL DE CONTAS ESTAMOS TODOS LUTANDO PELO MESMO IDEAL, OU SEJA, A CARTEIRA DA OAB, TÃO CUSTOSA, PSICOLOGICA, FINANCEIRA E PRINCIPALMENTE, POR SER O ENCERRAMENTO DESSE CICLO QUE COMEÇOU NA FACULDADE (APÓS LONGOS E LOUCOS 5 ANOS), TEMOS QUE ACREDITAR EM NÓS, E NOS FAZER SERMOS RESPEITADOS, POQUE JÁ VIROU UMA FALTA DE RESPEITO EM CADEIA NACIONAL A OAB, OS REPRESENTANTES FAZEM O QUE QUER CONOSCO, SEJA NO DIA DA PROVA (PORQUE DEPENDENDO DA SALA), CADA EXAMINAR DITAVA UNA REGRA, USA OU NÃO USA ISSO, PODE OU NÃO PODE, E A REVISTA COM AQUELE DETECTOR DE METAL, SIMPLESMENTE RIDÍCULO, COMO JÁ CITEI ACIMA, DEPOIS DE TANTAS COISAS, DURANTE ANOS, VEM ESSA FASE QUE ELES FAZEM DE TUDO PARA SE TORNAR UM MONSTRO E DIFICULTAR AO MÁXIMO PARA QUE UMA MINORIA RECEBA SUA CARTEIRA E POSSA EXERCER SUA PROFISSÃO. JÁ BASTA, TEMOS É QUE LUTAR PELOS NOSSOS DIREITOS, AFINAL DE CONTAS CADE A DEMOCRACIA, IMPESSOALIDADE? SÓ PARA ELES. UM POVO UNIDO ACREDITANDO EM UM PROPÓSITO É QUE FAZ UM FUTURO PROMISSOR! PARABÉNS GALERA!!!!!!!!

junior 6 de novembro de 2009 00:45  

Não me levem a mal mais esse exame foi bem mais fácil que o anterior agora infelizmente os cursinhos colocaram na cabeça dos alunos que só existem tres possibilidades de petição na prova de trabalho é um fato imagino se o caso fosse uma replica ou tréplica

Anônimo,  6 de novembro de 2009 05:29  

Não há qualquer dúvida. Quanto maior a repercursão, maior vai ser o "MICO". Todas as áreas tiveram a prova mal elaborada! Mas acho que o silêncio até a divulgação do resultado é essêncial. Acho melhor não provocar a ira da OAB e da CESP/UnB. Já estou com meus Recursos prontos, caso a resposta "escolhida" pelo "filtro" for outra. Meu conselho é de que ao invés de ficar "gritando", preparem seus Recursos com base no Edital. Se alguém pretende levar o caso para o Judiciário, o Edital é que vai ser o objeto do sucesso. Não é só as Peças previstas. Tem muito mais no Edital que pode ser usado como argumento. "As questões e a redação de peça profissional serão avaliadas quanto a adequação das respostas ao problema apresentado, ao domínio do raciocínio jurídico, a fundamentação e sua consistência, a capacidade de interpretação e exposição, a correção gramatical e a técnica profissional demonstrada" (item 4.5.1, Edital). "Na Prova Prático-Profissional, os examinadores avaliarão o raciocínio jurídico, a fundamentação e sua consistência, a capacidade de interpretação e exposição, a correção gramatical e a técnica profissional demonstrada" (art. 5º, § 3º, Provimento 109/2005). Como justificou-se na questão 1 da Prova Objetiva: "É a idéia extraída". Ou seja, "não é o grito emitido". Extrairam a idéia?

Anônimo,  6 de novembro de 2009 07:43  

Que tal fazer um manifesto para aumentar o salário mínimo, para melhorar a saúde e a educação, para tirar político corrupto??
coisas que sejam possíveis?
fazer manifesto para que seja aceita uma resposta errada em uma prova da OAB é algo rídiculo e vai, com certeza, virar piada entre os examinadores.

Anônimo,  6 de novembro de 2009 10:08  

20 pessoas, isso é lá manifestação que se preza? kkkkkkk piada de mau gosto isso sim.

Anônimo,  6 de novembro de 2009 13:00  

Galera, estou pagando bem, para o advogado que conseguir cancelar CONTRATO TRABALHISTA E BAIXA NA CTPS com uma ACP.

Anônimo,  6 de novembro de 2009 14:50  

Andei pensando a respeito,seria mais sensato estarmos pedindo o cancelamento das provas de 2 fase.Nao tenhamos medo de exigir uma prova bem elaborada.Se de fato estudamos para esse exame,o que iria acontecer?Pelo fato de estarmos inquietos e nos manifestarmos ja prova que temos a advocacia como projeto de vida!Se chamarmos a responsabilidade para nos,sera um caminho bem mais facil do que pedirmos o cancelamento das questoes ou da peca da prova.Estou escrevendo pois fiz a prova de tributario,e fiquei tao em duvida,mesmo a principio tendo a certeza de que estava diante de uma peca anulatoria com antecipacao de tutela que acabei nao confiando em mim e no que tanto havia estudado...Gostaria de mostrar que uma prova pode nao mostrar de fato a nossa verdadeira capacidade!Ao inves de termos pontos de graca,gostaria de ter um 9,0 de veradade...sabemos que 10 para a banca 'e impossivel,se souberem de um me comuniquem...Estou torcendo para cancelarem e marcarem uma segunda prova,que seja para todos!

Anônimo,  6 de novembro de 2009 21:37  

13:00, quan cancela contrato de trabalho e dá baixa na CTPS é o empregador, não precisa pedir ao judiciário para fazer isso. Sua opinião dá mais uma demonstração de que a única peça cabível seria Ação de Consignação em Pagamento

a 7 de novembro de 2009 11:19  

Sugiro que todos os examinandos entrem com ações judiciais contra a OAB. Serão mais de 50 000 ações e vamos botar a OAB para trabalhar. Ou eles vão fazer uma prova com amis cuidado ou vão receber uma enxurrada deações. Não se trata de uma ação contra a correção da prova e sim contra a formulação da prova.É a unica forma de mudarmos esse estado de coisas.

Anônimo,  7 de novembro de 2009 18:54  

tambem concordo que a prova de tributario estava mal elaborada!As perguntas mesmo tendo respondido de maneira correta,deixavam lacunas para que a Cespe tire alguns pontinhos ...sera que estou delirando?Verifiquem nas doutrinas.

Anônimo,  9 de novembro de 2009 17:41  

Quero saber onde se encontra o pessoal que fez direito tributario?!!

Anônimo,  9 de novembro de 2009 22:37  

Diz o ditado popular: quem não chora, nao mama.
E a voz do povo é a voz de Deus.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP