Livro de questões para a OAB

quarta-feira, 17 de junho de 2009


Esse livro foi o maior sucesso do mercado jurídico no ano de 2009. Em menos de seis meses 3 (três) edições foram lançadas. Esse sucesso se deve à qualidade da obra e aos resultados obtidos pelos milhares de alunos que foram aprovados tendo estudado pelo livro.

O livro é único com todas as características a seguir citadas:

- 1.500 Questões Comentadas OAB/ CESPE
- Contém todas as provas da OAB organizadas pela CESPE, inclusive a de 2009.1 (maio/09)
- Questões comentadas, alternativa por alternativa
- Questões classificadas por disciplinas, temas e subtemas
- Questões em ordem cronológica de exames
- Orientações sobre como usar o livro
- Dicas para entender a teoria, ler a “letra da lei” e treinar
- Comentários feitos pelos professores mais experientes do País
- Estatística detalhada de cada tema dos exames OAB/CESPE

Recomendo sinceramente essa obra, que certamente será uma ferramenta essencial para a sua aprovação no Exame da Ordem dos Advogados do Brasil.

Você poderá adquirí-la em livrarias de todo o País, nos principais sites de venda e também no site da editora (www.focojuridico.com.br).

8 comentários:

Thales 17 de junho de 2009 17:14  

Realmente, Dr. Maurício, esse livro é indispensável. Estudei por ele para o exame 2009.1, passei na 1ª fase. Foi essencial para a minha aprovação. E o melhor livro com questões da OAB no mercado.

Anônimo,  17 de junho de 2009 17:45  

Antes de comprar esse livro, que sem dúvida é ótimo, vamos fazer um protesto contra as irregularidades da última prova. Dr maurício podemos contar com vc? Acho que todo matérial que aparecer pra ajudar no próximo exame não vai ter credibilidade, tendo em vista que mesmo acertando a questão,e o gabarito não estando de acordo com o CESP, ficaremos novamente com cara de bôbos. Não adianta o livro ser excêlente, o CESP é que dá as cartas. Alguém discorda? Abraços

Anônimo,  17 de junho de 2009 17:50  

Essa situação só vai mudar no dia em que os bacharéis começarem a ingressar na justiça pedindo o ressarcimento de tudo o gastou para realizar do exame, pois está mais do que na cara que o bacharél não quer comprar determinados produtos, ele é simplesmente obrigado, forçado a fazê-lo, seja por ser induzido por propaganda enganosa, ou um vício no negócio realizado.Não deixa de ser uma coação, pois o bacharel com o temor de não coseguir aprovação, e assim não poder exercer a profissão e com isso simplestemente destruir a sua vida e seus sonhos, vai e compra uma "montanha" de livros que não serve para nada depois do exame (e muitas vezes nem para o próprio exame serve). Os dirigentes da OAB têm é que tomar vergonha na cara e fazer constar nos editais os livros que foram utilizados para a elaboração da prova e aí sim, se o bacharel quiser que compre outros, mas ele pelo menos terá a certeza de que o livro utilizado foi aquele relacionado no edital.

Maurício Gieseler de Assis. 17 de junho de 2009 17:59  

Compra qualquer livro quem quiser. Não há o menor cabimento asseverar que o bacharel é "coagido" a comprar qualquer coisa.

No mais, fica a indicação. Aproveite-a quem quiser...

Anônimo,  17 de junho de 2009 18:09  

Dr. com todo respeito por você e pela opinião, é apenas o que penso. Penso que tenho argumentos suficientes para susentar desrespeito ao Código de Desfesa do Consumidor e a existência de coação. Lógico que não seria possível aqui neste espaço, mas tenho.Quero dizer também que nem conheço o livro cuja fotografia está no blog, por isso não estou me refereindo especificamente a ela, eu me refiro ao assunto de forma genérica.

Helena,  17 de junho de 2009 21:23  

O Wander foi meu professor no cursinho, ele meu deu aula de administrativo e ambiental, ele é um excelente professor!! Tive acesso à sua obra e tbm achei mto boa!!! Recomendo

Anônimo,  20 de junho de 2009 08:24  

Comprem!
Esta obra me auxiliou muito em minha aprovação no exame 2008.3.
Abraços.

Anônimo,  23 de junho de 2009 07:35  

Concordo com a/o colega caro prof. Mauricio, na certeza de que não se trata exclusivamente do seu livro ou de qualquer outro...se trata do fato de que existe um comercio que cresce de forma incontrolavel ao redor dessa prova de ordem...e isto é muito grave e deveria ser VISTO pelo Ministerio Publico, com muita seriedade...Mas o Brasil tem problemas demais não é verdade!!!!

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP