Algumas considerações sobre o domingo

sexta-feira, 15 de maio de 2009

O Blog conduziu três pesquisas de opinião simultâneas. Vamos aos resultados:

Qual área você escolheu para a segunda fase? (499 votos)

Trabalhista (47%)

Penal (26%)

Cível (9%)

Administrativa (5%)

Constitucional (2%)

Tributária (5%)

Empresarial (2%)

A primeira pesquisa revelou o que todos já sabem: O exame de ordem hoje é dominado pelos direitos penal e trabalhista, com uma boa preferência pelo último. Não por acaso as últimas provas subjetivas de direito do trabalho apresentaram muitas controvérsias, o que é natural, pois em qual disciplina se poderia reprovar mais candidatos?

Direito constitucional e empresarial são os patinhos feios entre os bacharéis, mesmo agora com a adesão da seccional paulista, onde o direito empresarial é mais valorizado.

Quantas vezes você já fez o exame da OAB? (454 votos)

É a 1ª vez que faço (29%)

1 (19%)

2 (15%)

3 (11%)

4 (8%)

5 ou mais (14%)

Apenas 29% dos candidatos farão o exame pela primeira vez. É um indicativo de que a carteira da OAB é, de qualquer forma ou jeito, a grande porta de entrada para o mundo jurídico. A não aprovação no exame de ordem condena o bacharel de direito a uma espécie de "limbo profissional", em que o diploma praticamente não vale nada. As únicas profissões possíveis seriam a de "concurseiro profissional" ou de paralegal. Paralegal são bacharéis que auxiliam os advogados de forma mais especializada, efetuando pesquisas e trabalhando na burocracia que envolve um escritório. Seria um "upgrade" do estagiário. Pelo percentual daqueles que não passaram na prova na primeira tentativa e se submeterão novamente ao exame, a opção de ser paralegal não é muito atraente.

Todos sabem bem a pressão interna e externa para que se passe no exame...e isso afeta o emocional de quase todos.

Como está o seu emocional para o exame?(370 votos)

Tranquilo(a) e confiante. (22%)

Mais ou menos. Tá chegando a hora. (24%)

Preocupado(a). Dá um friozinho na barriga. (21%)

Tenso(a). Não penso em outra coisa!! (20%)

Com medo!!! Não aguento mais esperar!!!! (11%)

52% dos participantes dessa enquete revelaram que a perspectiva de se submeter ao exame causa um real desconforto emocional. Família, amigos, colegas de trabalho e a sociedade de um modo geral parecem conspirar contra o bacharel, tal a expectativa que se cria após os famosos 5 anos de faculdade - "5 anos de faculdade? Tem de passar na prova de primeira" - Essa é a natureza da pressão psicológica que afeta mais da metade dos bacharéis, afora a própria pressão interna do candidato.

Infelizmente, o desconforto dessas pressões produzem um resultado deletério na hora da prova - Os famosos "brancos", falta de atenção, descontrole emocional e toda sorte de efeitos que decisivamente prejudicam o desempenho de muitos e muitos bacharéis.

Não há uma fórmula mágica para se contornar esse sofrimento psicológico. De toda forma, vão algumas dicas para tentar minimizar o estrago:

1 - Leve chocolate para a prova. Não só faz com que o cérebro libere endorfinas, que são calmantes naturais, como proporcionam glicose para a atividade cerebral (o cérebro é o órgão que mais consome energia), e o chocolate proporciona essa energia quase que de imediato.

2 - Assegure que você dormirá como um anjo na véspera da prova. Passar a madrugada estudando para uma prova que só começará às 2 da tarde pode ser uma terrível armadilha. Sentir sono na hora "H" seria fatal, ainda mais porque o candidato terá de passar o gabarito para a folha de resposta. Um errinho que não seja percebido produzirá uma tragédia. Pelo mesmo motivo não estude nada na manhã de domingo. O que você tinha de aprender já foi aprendido.

3 - Estudar no sábado pode ser bom, mas não estudar pode ser melhor. Reflita sobre sua condição de aprendizado e faça uma escolha: se você estudou bem para a prova e está seguro de si, é melhor descansar, ir para uma piscina, etc, etc. Se não está tão seguro assim, estudar mais um pouco pode ser reconfortante. Seja honesto consigo mesmo e tome uma decisão racional.

4 - Deixe rigorosamente tudo pronto para o domingo. Compre duas canetas BIC, da cor PRETA. Assegure-se no seu edital que você pode ir de short ou sandália. No edital da OAB/DF os candidatos tem de ir com calça e sapato e nada de camisa regata. Como os editais podem apresentar diferenças, é bom você se certificar se sua roupa não lhe trará problemas. Já vi candidato barrado porque estava de short. Não vacile!

5 - Leia cada questão pelo menos duas vezes. Compreenda com clareza o que está sendo pedido no enunciado. Circule os termos "certo" e "errado" para evitar confusão. Não perca o seu tempo com questões que você não sabe a resposta ou que acha que está muito difícil. Depois de responder as questões que você têm certeza quanto as respostas corretas, retorne para as questões mais complicadas. Guarde pelo menos 40 minutos para passar as respostas para o cartão de respostas. Menos tempo do que isso pode ser muito problemático, pois a pressa para passar as respostas pode implicar em erro, e qualquer rasura no cartão é fatal.

Em suma...muita serenidade agora. A hora chegou e nada mais pode ser feito. O importante é você estar bem consigo mesmo. E se não estiver, entrega nas mãos de Deus que ele sabe o que faz.

Boa sorte!!!

9 comentários:

Anônimo,  15 de maio de 2009 19:56  

Boa sorte e que Deus abençõe a todos!! Amém!!

Anônimo,  15 de maio de 2009 21:31  

O exame é um verdadeito crime de tortura, se fosse a conduta tipificada não seria nenhum absurdo do legislador. Digo isso por mim, mas creio que existam milhares e milhares de bacharéis na mesma situação minha. Eu passei na primeira fase com quase 80 acertos e fui repovado na segunda fase. Consequência: fiquei totalmente desequilibrado emocionalmente desde o dia que conheci o resultado da segunda fase; eu simplemente não consigo mais nem mesmo revisar as matérias, travei totalmente, estou na base de remédios com tarja preta.

Zenaide 15 de maio de 2009 22:13  

Obrigada, é sempre bem vindo dicas confortáveis como essas. Esse blog foi muito bem vindo e de muita ajuda às minhas informações,agradeço a vocês mais uma vez e a minha amiga Rosângela que me indicoi este blog. Uma abraço e boa sorte para todos!!!!!

Zenaide

LuBezerra 15 de maio de 2009 22:25  

E lá vamos nós! Como candidata em Brasília, eu estou aqui quebrando cabeça pra escolher o figurino.
(Que droga, não consegui ainda escolher um sapato confortável para fazer a prova, pq eles não liberam as havaianas para o DF? rs)

Boa sorte a todos, como dizem os queridos atores do G7 em um trecho da peça 'Como Passar em Concurso Público':

" - Porque não vai ser a caneta da Bic Preta que vai te impedir de passar não.. basta gritar comigo no 3: A VAGA É MINHA!" kkk

Sucesso a todos.

Anônimo,  16 de maio de 2009 00:24  

Sábado vou dar uma olhada básica em, Ambiental,consumidor e o estatuto da criança e do adolescente, Encerro as 12:00. Apartir daí, entro em concentração. Boa sorte a todos

Anônimo,  16 de maio de 2009 01:41  

Agora é minha vez, fiquei por muito pouco na primeira que fiz, agora estudando mais direcionado vi que poderia ter passado com sobras, o nervosismo falou mais alto, mas agora será diferente... vamos lá,,, Pensamento Positivo e fé em DEUS que tudo dará certo... Boa Sorte meus amigos...

Anônimo,  16 de maio de 2009 09:28  

a dica do chocolate funcionou comigo tanto na primeira quanto na segunda fase!

BOA SORTE A TODOS

Anônimo,  16 de maio de 2009 12:41  

Aprovaram CPI da PETROBAS, só falta agora aprovarem uma CPI do exame de ordem e se isso ocorresse muitas cobras, ratos, lagartos, urubús e esgotos iriam ser expostos, a sociedade iria ficar impressonada com o que acontece, com a verdadeira razão do exame.

Anônimo,  16 de maio de 2009 20:53  

Galera Boa sorte!!!!!

Adorei a dica do chocolate, mas acho bom tbm levar aluma coisa salgada, pois no meu caso por exemplo o chocolate dá sono, e o salgado pode combater o sono causado pelo chocolate (que é claro que eu levarei)

Bjos e boa prova!!!!

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP