Datas do próximo exame

segunda-feira, 30 de março de 2009

O próximo edital está para sair, mas já corre o boato, de boa fonte, que as datas para o próximo exame de ordem já estão definidas:

17/05 - Prova objetiva

28/06 - Prova subjetiva

Falta pouco...

10 comentários:

Anônimo,  30 de março de 2009 16:20  

Ai Jesus, lá vou eu novamente passar por esse martírio que é a primeira fase. Eu faria 10.000 vezes a segunda fase satisfeitissima, desde que não precisasse repetir a primeira fase. Isto não está certo. Jesus dos céus, passei na primeira fase faz menos de 2 meses e tenho que fazer novamente? Não, não está certo isso, não mesmo, mil vezes não.Jesus dos céus, tudo bem que fosse novamente exigida a repetição da primeira fase um ano depois ou coisa paracida, mas 2,3,4 meses não está certo, mil vezes não.

Anônimo,  30 de março de 2009 17:05  

Dr. Maurício, como fica com os recursos da segunda prova e a as inscrições para o exame 2009-1? se o resultado sair após o término das incrições? será que tem como reaver o valor da inscrição?

Anônimo,  30 de março de 2009 21:13  

Não vai valer a decisão da última reunião da OAB que decidiu que quem já passou na 1ª fase não precisa fazer novamente se rodar na 2ª fase por 3 provas seguidas?

Anônimo,  31 de março de 2009 08:13  

HUMMMM, QUE DECISÃO É ESTA? SERÁ? COMO ASSIM, QUEM PASSOU NA PRIMEIRA NÃO FAZ A SEGUNDA ATÉ 3 TENTATIVAS?

Anônimo,  31 de março de 2009 09:59  

Decisão? Meu caro anônimo você viu alguém da OAB tocar no assunto depois daquela reunião? Desconfio que aquilo foi uma jogada para acalmar os ânimos contra o exame que à época andavam exaltados, ou seja, combinaram que alguém iria "sugerir" o aproveitamento da primeira fase, só que ficaria ali mesmo no campo da sugestão (fajuta, claro), ou seja, haveria apenas um fingimento de que uma proposta estaria sendo analisada. A OAB não admite jamais a hipótese disso acontecer, pois ela sabe que a aprovação na primeiora fase do exame é apenas um golpe de SORTE e por isso, como a probabilidade de reprovação é de quase 100%, a reaserva de mercado estará garantida com os bachareis repetindo tudo novamente. Você sabe uma tática muito utilizada pelo governo quando quer manter a taxa de juros elevada e há uma grande resistência do mercado contra isso? Eles combinam que um integrante do alto escalação do governo (esse papel hoje é feito pelo Vice-Presidente José Alencar), quando a data da reunião do COPOM estiver se aproximando,irá atacar violentamente a política de juros altos e no dia da reunião a taxa é mantida (ou elevada), resumindo: o governo engana a população que pensa que ele é a favor de uma taxa menor, mas é na verdade ele quem determina ao Banco Central a política de juros a ser seguida.É o mesmo que aconteceu com a história do aproveitamento da primeira fase.

Anônimo,  31 de março de 2009 18:40  

É amigo, você tem toda razão.
Dá até vergonha pensar que essa OAB vai fazer parte do resto de nossas vidas.
Um dia quem sabe(muito improvavél né?), isso mude. Então teremos verdadeiros representantes de nossa classe.
Abraço a todos,
Rama.

Anônimo,  31 de março de 2009 22:13  

Rapaz!!!
Dr. Mauricio isto tá virando uma palhaçada amigo!!!
O que está acontecendo com a instituição da OAB Brasil meu amigo.
Vamos cobrar mais atitudes das leis desse nosso país.
Lúcio Micheli Brito.

Anônimo,  1 de abril de 2009 21:57  

Tenho uma grande sugestão para a OAB: ela tem que colocar nas próximas provas pelo menos mais 30 questões: 10 de matemática, 10 de química, e 10 de física. Tá fácil demais só exigir decoreba de lei. E fiquem certos de uma coisa: quando for votado o projeto de Lei 186/06,como ele não será aprovado nesse dia a OAB terá acabado de vez com qualquer medo de o exame ser extinto e aí alguém passar no exame vai ser mais difícil do que ser aprovado no concurso para a magistratura. Nesse dia, aí sim, a OAB vai fazer a sua reserva de mercado funcionar descaradamente sem medo nenhum de nada, ou seja, se hoje ela já passa por cima de tudo, após a votação do projeto ela passará por cima de tudo e de todos que nem rolo compressor. Fiquem certos, o indice de aprovação do exame vai ficar beirando a zero, quase 100% serão reprovados. E aí quero ver o que farão os bacharéis.

Anônimo,  15 de agosto de 2009 09:35  

eu ja estou com vergonha é de fazer parte deste pais belo por natureza e podre no quisito faz de conta .........
não aguento mais tanta robalheira ...
a oabse faz de santinha é a pior, tira dnheiro do bolso do coitado do candidato na maior cara de pau..
mas vamos estudr pq nosso destino é os livros e ainda ser chamados de burros e bandidos ...
anonima...

Anônimo,  18 de outubro de 2009 10:51  

Dr Mauricio...
Gostaria de saber se existe uma lacuna na Lei ou se de forma análogica, eu poderia ser benefeciada, visto que sou primeira bisavó a se formar em Direito, pelo menos no Rio de Janeiro, pelo que me consta.
Tenho 64 anos , muito doente e tenho medo de morrer, sem ver o meu sonho de jovem ser concretizado.Crei que talvez encontre respaldo na Lei de idosos, só que não sei localizar.
Me formei ano passado e fiz uma vez o Exame e não alcancei o necessário, frequento cursinhos e esse último não fiz por estar acamada e não procurei meus direitos porque estava meio debilitada.
Tenho medo, muito medo de não conseguir morrer advogada !!!!
Por favor me responda se possível no meu e-mail particular que é nivacascaorj@hotmail.com
Antecipadamente agradeço pela atenção

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP