Confirmado! Seis questões anuladas!!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

O site da OAB/GO também está confirmando a informação originalmente divulgada no site da OAB/PI:

Anuladas seis questões do Exame de Ordem

O presidente da Comissão de Estágio e Exame de Ordem da OAB-GO, Júlio César do Valle Vieira Machado, divulgou há pouco que seis questões da primeira etapa do Exame de Ordem, aplicada em janeiro deste ano, foram anuladas. A decisão saiu do encontro de presidentes das Comissões de Exame de Ordem das Seccionais da OAB, evento que está sendo realizado em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, com a participação do departamento técnico e jurídico do Centro de Seleção e Promoção de Eventos da Universidade Federal de Brasília (Cespe).

Foram anuladas as questões 25, 41, 42, 53, 77, 95. O motivo foi imperfeição em seus enunciados. Na próxima segunda ou terça-feira, o Cespe deve anunciar a nova lista de aprovados levando em consideração a anulação das questões.

16 comentários:

Sandro,  13 de fevereiro de 2009 16:51  

Seis questões do Exame de Ordem 2008.3 são anuladas
13/02/2009



A Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Bahia (OAB-BA) informa que as questões de número 25, 41, 42, 53, 77 e 95 da primeira fase do Exame de Ordem 2008.3, realizado no último dia 18 de janeiro foram anuladas.

A decisão pela anulação das seis questões foi tomada na manhã de hoje (13), durante reunião do Colégio de Presidentes de Comissões de Exame de Ordem Unificado com a presença de representantes das Seccionais de todos os estados do Brasil e foi presidida pelo vice-presidente do Conselho Federal da OAB, Vladimir Rossi.

O encontro que acontece na cidade de Campo Grande (MS), prossegue até amanhã (14) e a Seccional baiana está representada pelo presidente da Comissão de Estágio e Exame de Ordem, David Bellas.


Fonte: Imprensa OAB-BA

Lenzi 13 de fevereiro de 2009 17:05  

ALELUIA !!!
Aproveitei 5 questões das seis anuladas. Fui de 47 pontos para 52 pontos !

Graças a Deus !!!

Débora 13 de fevereiro de 2009 18:05  

Eu aproveite as 06...Fui de 47 para 53!!é mta sorteee!!!

Anônimo,  13 de fevereiro de 2009 18:37  

eu aproveitei duas a 53 e 95. Isso mostra que a CESPE esta despreparada pra elaborar estas provas, que isso estou abismado. passei em cima da risca. abraços principalmente doutor mauricio

André Sá 13 de fevereiro de 2009 20:07  

Passei, aproveitando as 6 questões, total= 51 e concordo com os comentários de despreparo da CESPE.

Anônimo,  13 de fevereiro de 2009 21:57  

Se a parada é quente mesmo, passei de 46 pra 51, aproveitei 5 das 6...
Só to esperando a CESPE tornar isso oficial!

Ana,  13 de fevereiro de 2009 23:34  

Mas vem ca, anularam 6 questoes... tanto faz qual seja o caderno de provas?

Anônimo,  14 de fevereiro de 2009 09:33  

Graças ao bom Deus. Estava com 48, aproveitei 5, fiquei com 53. É bom demaaaaaaiiiiiiisss!!!

Anônimo,  14 de fevereiro de 2009 13:58  

Bom questionamento:

Anularam 6 questoes... tanto faz qual seja o caderno de provas?

Também, se se ANULA 6 questões, a
prova baixa de 100 questões para 94questionamentos corretos, se é assim, o nº mínimo para APROVAÇÃO passa para 47; estou correto?

Não há que se falar em APROVEITAMENTO DE 2, 3, 4... é ANULAÇÃO..., correto?!

Vento_ 15 de fevereiro de 2009 10:01  

Justiça, discernimento, coerência. São palavras que traduzem o motivo pelo qual foram anuladas 6 questões nesta última prova. Fica o alerta de que muitas coisas precisam ser mudadas na aplicãção deste exame...
Aproveitei 5 questões das 6, acabei ficando com 54, agora é esquecer esta 1ª fase e se concentrar na 2ª, torcendo para que esta não venha recheada de surpresas desagradáveis como veio a prova objetiva. Vamos a luta!

Anônimo,  15 de fevereiro de 2009 14:32  

GRANDE DÚVIDA!!!
O edital traz em seu ponto...
4.3 A nota na prova objetiva será a soma das pontuações obtidas nas questões, considerandose
aprovado o examinando que obtiver o número mínimo de cinqüenta pontos, equivalente a
50 acertos.

Logo, como devemos interpretar???

1º A prova sai de 100 questões para 94 questões corretas. Assim sendo, o nº mínimo de acertos para APROVAÇÃO passa para 47.

2º Ou faço a leitura que a ANULAÇÂO gera pontons para todos. Logo, se tinha 46 pontos e 06 questões foram anuladas,passarei a contar 52 pontos, pois nenhuma questão anulada bateu com as que eu ja havia acertado... Logo, aproveitei...??

Por gentileza... AJUDA!!!

Não há que se falar em APROVEITAMENTO DE 2, 3, 4... é ANULAÇÃO..., correto?!

Anônimo,  15 de fevereiro de 2009 14:37  

GRANDE DÚVIDA!!!
O edital traz em seu ponto...
4.3 A nota na prova objetiva será a soma das pontuações obtidas nas questões, considerandose
aprovado o examinando que obtiver o número mínimo de cinqüenta pontos, equivalente a
50 acertos.

Logo, como devemos interpretar???

1º A prova sai de 100 questões para 94 questões corretas. Assim sendo, o nº mínimo de acertos para APROVAÇÃO passa para 47.

2º Ou faço a leitura que a ANULAÇÂO gera pontons para todos. Logo, se tinha 46 pontos e 06 questões foram anuladas,passarei a contar 52 pontos, pois nenhuma questão anulada bateu com as que eu ja havia acertado... Logo, aproveitei 06 questões...??

Por gentileza... AJUDA!!!

Anônimo,  15 de fevereiro de 2009 14:37  

GRANDE DÚVIDA!!!
O edital traz em seu ponto...
4.3 A nota na prova objetiva será a soma das pontuações obtidas nas questões, considerandose
aprovado o examinando que obtiver o número mínimo de cinqüenta pontos, equivalente a
50 acertos.

Logo, como devemos interpretar???

1º A prova sai de 100 questões para 94 questões corretas. Assim sendo, o nº mínimo de acertos para APROVAÇÃO passa para 47.

2º Ou faço a leitura que a ANULAÇÂO gera pontons para todos. Logo, se tinha 46 pontos e 06 questões foram anuladas,passarei a contar 52 pontos, pois nenhuma questão anulada bateu com as que eu ja havia acertado... Logo, aproveitei 06 questões...??

Por gentileza... AJUDA!!!

Anônimo,  15 de fevereiro de 2009 14:37  

GRANDE DÚVIDA!!!
O edital traz em seu ponto...
4.3 A nota na prova objetiva será a soma das pontuações obtidas nas questões, considerandose
aprovado o examinando que obtiver o número mínimo de cinqüenta pontos, equivalente a
50 acertos.

Logo, como devemos interpretar???

1º A prova sai de 100 questões para 94 questões corretas. Assim sendo, o nº mínimo de acertos para APROVAÇÃO passa para 47.

2º Ou faço a leitura que a ANULAÇÂO gera pontons para todos. Logo, se tinha 46 pontos e 06 questões foram anuladas,passarei a contar 52 pontos, pois nenhuma questão anulada bateu com as que eu ja havia acertado... Logo, aproveitei 06 questões...??

Por gentileza... AJUDA!!!

Anônimo,  15 de fevereiro de 2009 14:38  

GRANDE DÚVIDA!!!
O edital traz em seu ponto...
4.3 A nota na prova objetiva será a soma das pontuações obtidas nas questões, considerandose
aprovado o examinando que obtiver o número mínimo de cinqüenta pontos, equivalente a
50 acertos.

Logo, como devemos interpretar???

1º A prova sai de 100 questões para 94 questões corretas. Assim sendo, o nº mínimo de acertos para APROVAÇÃO passa para 47.

2º Ou faço a leitura que a ANULAÇÂO gera pontons para todos. Logo, se tinha 46 pontos e 06 questões foram anuladas,passarei a contar 52 pontos, pois nenhuma questão anulada bateu com as que eu ja havia acertado... Logo, aproveitei 06 questões...??

Por gentileza... AJUDA!!!

bruno 16 de fevereiro de 2009 11:51  

Realmente tem razão...se o edital fala em 50% de acerto, e 6 questões foram anuladas, o total das questões ficou em 94, neste ponto é a provado o candidato que acertar 50% do total de questões validas, ou seja, 47 questões.

Sem contar as questões com erro ortograficos, de pura responsabilidade do CESP, que violou o Edital e adentrou no tempo estipulado para o candidato fazer a prova para proceder suas correção.
violando ainda o CESP o Edital em relação a correção ortografica, tendo em vista que as clausulas ali contidas devem ser respeitadas por ambas as partes, sob pena de , violação unilateral.
Favor comentem.

Postar um comentário

  © Blogger template The Professional Template II by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP